Polícia

Carro roda no macroanel, bate de frente com carreta e motorista morre

É a terceira morte no trânsito na Capital neste sábado

Midiamax Publicado em 26/09/2015, às 13h09

None
img-20150926-wa0030.jpg

É a terceira morte no trânsito na Capital neste sábado

Enemar dos Santos Barbosa, de 23 anos, morreu na manhã deste sábado (26) após perder o controle da direção do carro que conduzia e colidiu frontalmente com uma carreta Iveco no macroanel rodoviário de Campo Grande. Somente entre a madrugada e a manhã, três pessoas morreram em acidentes registrados na Capital.

Segundo testemunhas, Barbosa dirigia o Gol placa HRC-8419, de Campo Grande, no sentido Capital-Cuiabá. O veículo rodou na pista antes de atingir a carreta – chovia no local.

O acidente ocorreu em uma curva, próximo do aterro de entulhos, no Jardim Noroeste. Ainda não se sabe porque ele perdeu o controle do Gol, mas o veículo, ao rodar e ir para a contramão, bateu de frente com a Iveco placa APP-0438, de São José do Credo, Santa Catarina.

Com o impacto, Enemar ficou preso nas ferragens, e o Corpo de Bombeiros e a CCR MSVia foram acionados para fazer o resgate. As equipes de socorro chegaram a cortar a lataria do veículo, mas a vítima já estava morta.

O caminhoneiro Sidenir Siqueira, de 31 anos, relatou ao Jornal Midiamax que havia acabado de sair de uma oficina e seguia pela rodovia, em sentido à saída de Três Lagoas, quando viu o Gol rodar na pista a aproximadamente 20 metros dele. “Não tive o que fazer, não podia frear porque tinha carros atrás de mim, então tentei desviar e só senti o impacto”, lamentou.

No veículo do jovem foram encontrados vários instrumentos musicais. Até o fechamento deste texto, a PRF (Polícia Rodoviário Federal) e a CCR controlam o trânsito no local, que ficou interditado.

Mortes

Guilherme Figueira de Carvalho, de 21 anos, morreu após colidir a motocicleta, uma Honda Titan CG, que conduzia em uma árvore na Rua São Nicolau, na Vila Santa Luzia. O rapaz perdeu o controle da direção ao fazer uma curva.

Segundo familiares, Guilherme trabalhava em uma empresa de refrigeração e voltava de uma festa no momento do acidente.

Na MS-080 uma colisão frontal entre uma caminhonete Chevrolet Silverado e um Ford Belina vitimou Etiene Souza Mendonça, 52 anos. Segundo testemunhas, o condutor da caminhonete seguia na rodovia, sentido Campo Grande – Rochedo, quando teria invadido a pista contrária e colidido com a Belina.

Etiene, que conduzia a Belina, ficou preso nas ferragens e morreu no local. O Corpo de Bombeiros foi acionado e fez a retirada do corpo. 

Jornal Midiamax