Polícia

Campeiro mata porcos do patrão e tenta subornar PRF com ‘duzentão’

Homem foi preso pela PRF quando tentava fugir

Wendy Tonhati Publicado em 16/05/2015, às 16h30

None
propina.jpg

Homem foi preso pela PRF quando tentava fugir

Um campeiro de 49 anos foi preso na manhã desta sábado (16), após matar e furtar porcos do patrão. De acordo com o boletim de ocorrência, o homem ameaçou colegas de trabalho, colocou fogo em objetos da fazenda e fugiu da propriedade rural. Ele foi preso pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) na BR-163, em Dourados, após tentar subornar os policiais com R$ 200.

A Polícia Militar foi acionada para ir até a fazenda. No local, o proprietário relatou que o empregado matou dois porcos, feriu outros quatro, e furtou parte de um dos animais abatidos. Ele também furtou acessórios da ordenha, queimou e destruiu outros objetos no sítio. Antes de ir embora, ameaçou de morte um colega de trabalho.

O empregado foi detido por uma equipe da PRF (Polícia Rodoviária Federal), quando tentava fugir da cidade, pilotando uma motocicleta na contramão da via. Ao ser abordado pelos policiais, ele ainda tentou suborná-los, oferecendo R$ 200.

A motocicleta que ele pilotava foi encaminhada ao pátio do Detran (Departamento Estadual de Trânsito, por estar com a documentação irregular.

O homem foi encaminhado a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Dourados. Ele foi autuado por furto qualificado com abuso de confiança, ou mediante fraude ou escalada e destreza, ameaça, corrupção ativa e dano.

Jornal Midiamax