Polícia

Caçador é preso com armas, rede de pesca e animal abatido em MS

O infrator, que mora em Sidrolândia foi preso 

Diego Alves Publicado em 10/04/2015, às 20h19

None
cateto.jpg

O infrator, que mora em Sidrolândia foi preso 

Um caçador foi preso com partes de um cateto abatido, uma espingarda calibre 22, duas espingardas de pressão modificadas para calibre 22 e 8 munições do mesmo calibre, nesta quinta-feira (9), durante fiscalização no Km 492 da rodovia BR 060, nas proximidades da sede da antiga rede ferroviária em Sidrolândia, 710 quilõmetros de Campo Grande.

A PMA encontrou o infrator e verificou couro e partes de um animal abatido da espécie cateto, próximo a residência do infrator. O caçador entregou a carne do animal e as três armas utilizadas na caçada. Um arco artesanal com nove flechas e uma rede de pesca também foram apreendidos.

Como o serviço de inteligência da PMA havia levantado que tinham mais dois veículos no local da caçada, o infrator informou que os outros caçadores haviam se deslocado para Campo Grande, levando mais animais abatidos e armas utilizadas na caçada. Todos já foram identificados.

O infrator, que mora em Sidrolândia foi preso e encaminhado, junto com o material à delegacia da cidade, onde foi autuado em flagrante por caça ilegal e posse ilegal de arma. A pena para a caça é de seis meses a um ano de prisão e da posse de arma de um a três anos de detenção. Ele também foi autuado administrativamente e multado em R$ 500 pelo abate do animal.

A PMA possui as placas dos veículos que participaram da caçada e todos os infratores á identificados responderão pelo crime e também serão multados, assim que localizados.

Jornal Midiamax