Polícia

Reincidente com documentos falsificados, mulher é presa em MS depois de tirar RG falso

Informações são da Polícia Civil

Arquivo Publicado em 15/04/2014, às 21h47

None
mujeres2.jpg

Informações são da Polícia Civil

Uma mulher de 32 anos foi presa na última sexta-feira (11), após tirar uma carteira de identidade falsa, em Água Clara a 193 quilômetros de Campo Grande. De acordo com a Polícia Civil, as investigações apontam que ela teria cometido a fraude em 2011. Ela ainda reincidente no crime, por já ter apresentado atestados falsos junto ao Poder Judiciário, para não comparecer em audiência.

A fraude foi descoberta durante o confronto de digitais junto aos sistemas da Polícia Civil, ficou constatada a fraude. Ainda conforme a Polícia Civil, a carteira de identidade verdadeira da mulher, foi expedida em novembro de 2007. Além de se passar por outra pessoa, a mulher ainda forneceu endereço falto ao Instituto de Identificação de Três Lagoas, onde solicitou a primeira emissão do RG.

A mulher foi indiciada por falsidade ideológica, e se for condenada, a pena pode chegar a 5 anos de reclusão. Após a prisão, a acusada foi encaminhada ao Estabelecimento Penal Feminino de Três Lagoas, onde permanece à disposição da justiça.

Jornal Midiamax