Polícia

Polícia Militar de Mundo Novo desmantela quadrilha de ladrões de veículos

Uma operação desenvolvida por policiais militares de Mundo Novo, na noite de terça-feira (17), desmantelou uma quadrilha de ladrões de caminhonetes, que momentos antes haviam roubado uma Toyota Hilux, ano 2012 e modelo 2013 em Itaquiraí – a 402 km de Campo Grande. Os militares de Mundo Novo foram informados pelo sistema de comunicação da […]

Arquivo Publicado em 19/12/2013, às 10h59

None
1461020210.jpg

Uma operação desenvolvida por policiais militares de Mundo Novo, na noite de terça-feira (17), desmantelou uma quadrilha de ladrões de caminhonetes, que momentos antes haviam roubado uma Toyota Hilux, ano 2012 e modelo 2013 em Itaquiraí – a 402 km de Campo Grande.


Os militares de Mundo Novo foram informados pelo sistema de comunicação da PM, de que homens armados haviam agredido um empresário de Itaquiraí, no momento em que ele chegava à sua residência. Eles se apossaram de seu veículo, seguindo em alta velocidade rumo à fronteira com o Paraguai. Um automóvel de passeio, com alguns meliantes em seu interior, fazia o papel de “batedores”.


De posse desta informação, os policiais montaram uma barreira na BR-163, provável ponto de passagem da quadrilha na tentativa de chegar ao país vizinho.


Quando a caminhonete se aproximou, os militares através de gestos, sinais sonoros e luzes intermitentes da viatura, determinaram que o motorista parasse o veículo, mas ao invés disso, o condutor tentou empreender fuga, jogando o utilitário contra um dos militares, que esquivou e efetuou alguns disparos em sua direção ao condutor da caminhonete que foi alvejando na perna direita, na nádega esquerda e na região lombar.


Os policiais fizeram contato com o corpo de bombeiros, que de imediato socorreram o marginal de 20 anos e que é residente em Mundo Novo, até o hospital local, de onde após ser medicado, foi conduzido para Cadeia Pública.


O meliante preso delatou o tipo físico e veículo, no qual seus três comparsas estariam. Poucos minutos depois, o carro com o trio em seu interior, foi abordado no Posto da Polícia Rodoviária Federal em Mundo Novo. Os três elementos negaram participação no roubo, alegando que estavam em Japorã e seguiam para Mundo Novo, porém, policiais militares de Japorã, que haviam montado uma barreira na estrada em que eles supostamente teriam passado, não avistaram o veículo na região.


Outro fato que pesa contra os suspeitos é que dois deles, sendo um de 33 anos e o outro de 31, são residentes em Itaquiraí , sendo que o mais velho foi reconhecido pela vítima como sendo o homem que o dominou e adentrou em sua residência, se apossando do veículo e o repassando a seu comparsa, que assumiu a direção da Hilux e seguiu rumo à fronteira.


Os quatro suspeitos, incluindo um jovem de 19 anos residente em Mundo Novo e que seria proprietário do veículo de “apoio”, um revólver calibre 32, municiado com cinco balas intactas que estava em poder do ladrão baleado, quatro celulares e os dois veículos envolvidos no crime, foram levados para a Delegacia de Polícia Civil de Mundo Novo.

Jornal Midiamax