Polícia

Oito traficantes já foram presos durante megaoperação na fronteira

Ações de combate ao tráfico de drogas estão concentradas nas cidades de Ponta Porã e Corumbá e acontecem até o domingo (29).

Arquivo Publicado em 27/04/2012, às 17h08

None

Ações de combate ao tráfico de drogas estão concentradas nas cidades de Ponta Porã e Corumbá e acontecem até o domingo (29).

Oito pessoas já foram presas em flagrante delito e encaminhadas à delegacia de Polícia Civil, na cidade de Ponta Porã, distante a 346 quilômetros da Capital, durante a megaoperação “Fronteira Unida II”, deflagrada às 5h30, por diversas forças policiais.


Segundo o delegado Odorico Mesquita, as ações visam localizar e apreender armas de fogo, além de fechar pontos de vendas de drogas, efetuar a prisão de foragidos da justiça e membros de facções criminosas, com previsão para ocorrer até o domingo (29).


No primeiro alvo, Silvino Servin Vega, 26 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas. Ele estava em posse de 26 embalagens de droga análoga à maconha, R$ 245,00, além de G$ 40000,00 em cédulas de dinheiro estrangeiro.


A segunda pessoa a ser conduzida para a delegacia foi Bernardino Cabañas, 27 anos, com munições de calibre permitido e três cápsulas intactas de munição calibre 12. Em flagrante delito, Éber Gregório Pimentel Morel, 23 anos, foi preso por tráfico de drogas. Ele possuía celulares, uma porção de maconha (30g), balança de precisão pequena, R$ 98,75 e uma motocicleta estrangeira Leopard.


Em sua quarta apreensão, os policiais prenderam Nildo Lopes, 29 anos, pelo crime de tráfico de drogas. Ele estava com uma porção de pasta base de cocaína (28g), além de sete aparelhos celulares, sacos para acondicionar drogas e R$ 678,00. Em sequência, pelo crime de tráfico de drogas e posse de arma de fogo foi preso Daniel Peralta Martinez, 37 anos.


Os policiais apreenderam ainda um veículo Vectra, com uma pistola calibre 9mm, de numeração raspada e 13 munições, além de uma porção de maconha (17g), uma porção de cocaína, R$ 1.535, balanças de precisão, quatro celulares, um GPS (rastreador via satélite), um machado, um punhal e uma máquina fotográfica digital.


Próximo a apreensão os policiais encontraram Diogo Jonathan Fernandes Diegues, 18 anos, com posse de uma garrucha e munições intactas de calibre 38, 22, um coldre de arma de fogo, além de haxixe e dois pés de canabis sativa lineu (maconha). Com doze aparelhos celulares para vendera droga, Luciana Yau de Ruiz, 42 anos, também foi presa em flagrante.


As últimas pessoas a serem conduzidas para a delegacia foram Édson da Costa Batista e Eduardo Portilho, ambos de 25 anos, presos por tráfico de drogas. Eles estavam em posse de simulacros de pistola, uma balança de precisão, R$ 274,00, G$ 110000,00 em cédulas de dinheiro estrangeiro – U$ 2,00 em cédulas de dinheiro estrangeiro, 727 gramas de maconha e cinco aparelhos celulares.

Jornal Midiamax