Polícia

Polícia prende integrante de quadrilha de SP

Investigadores de Polícia Civil de Três Lagoas prenderam na tarde desta quinta-feira, 23, J.T.A de 20 anos morador no bairro Pereira Jordão na cidade Andradina.   O jovem era o único que não havia sido preso durante a “Operação Independência” desencadeada no último dia 16 pela DISE – Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes de Andradina e […]

Arquivo Publicado em 24/09/2010, às 13h19

None

Investigadores de Polícia Civil de Três Lagoas prenderam na tarde desta quinta-feira, 23, J.T.A de 20 anos morador no bairro Pereira Jordão na cidade Andradina.  


O jovem era o único que não havia sido preso durante a “Operação Independência” desencadeada no último dia 16 pela DISE – Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes de Andradina e em conjunto com a Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Três Lagoas.


A ação resultou na prisão de outras seis pessoas acusadas de tráfico e associação para o tráfico, além de formação de quadrilha ou bando. Eles cumprirão prisão temporária de 30 dias. Entre os presos está o trêslagoense P.R.A. N de 33 anos conhecido como “Cabecinha” que residia no bairro Vila Nova.


Além de P.R.A.N, foram presos os serventes J.A.S.C., o “Costela”, 21 anos, a mulher dele A.P.O.C., 18 anos, moradores na rua “D” e W.J.S.L., 23, da rua “A”, da cohab do bairro Pereira Jordão, o pai de santo J.S.S., o “Preto”, 31 anos, da rua Dirceu Gimenez, no mesmo bairro e o padeiro A.H.S., 36 anos, morador na rua Euclides da Cunha, bairro Jardim das Águas.


Todos foram recolhidos à cadeia pública de Andradina e a mulher de “Costela” à cadeia feminina de Guaraçaí. O tráfico tem pena de 5 a 15 anos, associação para o tráfico (5 a 15 anos) e formação de quadrilha ou bando (pena de 4 a 8 anos).


Os policiais apreenderam na operação uma espingarda de pressão com mira telescópica, 7 celulares, dinheiro e munição.

Jornal Midiamax