Polícia

Polícia investiga caso de paraquedistas em Jardim

Durante o Desfile civico-militar ocorrido em Jardim no último Sete de Setembro aconteceu um imprevisto, que está sendo investigado pela policia militar e Polícia Civil, logo após o pouso forçado de paraquedistas que sobrevoavam o desfile na área central de Jardim. Durante o evento, paraquedistas acostumados a descer dentro do aeroporto local, saltaram no céu do centro de […]

Arquivo Publicado em 11/09/2010, às 00h23

None

Durante o Desfile civico-militar ocorrido em Jardim no último Sete de Setembro aconteceu um imprevisto, que está sendo investigado pela policia militar e Polícia Civil, logo após o pouso forçado de paraquedistas que sobrevoavam o desfile na área central de Jardim.


Durante o evento, paraquedistas acostumados a descer dentro do aeroporto local, saltaram no céu do centro de Jardim, e tiveram que descer abruptamente no meio dos espectadores na praça do evento.


Segundo a delegada Kellen Laura Baltha da Silva os envolvidos no incidente: Luiz Cesar Pimentel e Paulo Victor Pimentel alegaram que desceriam na rodovia e no momento que faziam a aterrissagem vinha automóveis, pois achavam que a rodovia estaria interditada. Por esta razão não puderam descer na rodovia, assim fazendo um pouso forçado no meio da população que assistia ao desfile, atingindo duas garotas.


Esta descida que não havia sido bem preparada, e muito menos comunicada às autoridades locais, sendo que ambos paraquedistas foram detidos para averiguação e depois foram soltos.


O incidente atingiu duas crianças que estavam no local, uma com quinze anos e a outra com 10. Elas foram prontamente atendidas e levadas para o Hospital Marechal Rondon. Uma delas sofreu arranhões leves e a outra suspeita de fratura na perna, mas passa bem.


Os envolvidos terão que cumprir uma pena alternativa que será prevista pelo juiz do município.

Jornal Midiamax