Polícia

Foragido do Rio de Janeiro é preso em Selvíria

Policias da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Três Lagoas prenderam na manhã desta terça-feira (21), Rodsnei Mendes de Carvalho. Ele que estava na cidade de Selvíria é foragido das cidades de Amambai e do Rio de Janeiro. De acordo com o delegado titular da DIG, Ailton Freitas, após receber a denúncia de que haveria […]

Arquivo Publicado em 21/12/2010, às 17h06

None

Policias da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Três Lagoas prenderam na manhã desta terça-feira (21), Rodsnei Mendes de Carvalho. Ele que estava na cidade de Selvíria é foragido das cidades de Amambai e do Rio de Janeiro.

De acordo com o delegado titular da DIG, Ailton Freitas, após receber a denúncia de que haveria um homem foragido da cidade do RJ, a polícia de Selviria solicitou o apoio da DIG de Três Lagoas. “Devido ao grau de periculosidade do foragido nós fomos solicitados”, explica o delegado.

Rodsnei residia em uma casa alugada na cidade há aproximadamente três meses e foi abordado pelos policiais. “Ele apresentou uma identidade falsa com o nome de Leandro Mendes de Barros, sendo que neste nome ele possuía contas em bancos, documentação completa e até o contrato de aluguel da casa onde morava” comenta.

Questionado sobre sua origem o homem disse seu verdadeiro nome e confessou ser foragido da polícia. Em consulta ao sistema os policiais encontraram dois mandados de prisão em aberto em seu nome, um expedido pela cidade de Amanbai e o outro na cidade do Rio de Janeiro sendo que os dois mandados são por tráfico de drogas. “Ele já esteve preso nos anos de 2002 e 2007, sendo que havia um mandado de prisão expedido no dia 28 de agosto deste ano”, diz o delegado.

Diante dos fatos Rodsnei foi preso e encaminhado para a 1º DP (Delegacia de Polícia) de Três Lagoas onde ficará detido e aguardará ser transferido. “Ele deverá ser transferido para Amanbai onde poderá responder por falsidade ideológica ou para a cidade do Rio de Janeiro”, esclarece.

O delegado Freitas que não descarta a possibilidade de Rodsnei fazer parte de algum esquema de distribuição de drogas diz que será instaurado um inquérito para apurar o que o suspeito fazia na cidade de Selviria. “Ele não trabalhava e não possuía nenhuma ocupação, conforme verificamos”, afirma.

Freitas aproveita para ressaltar que após a prisão do suspeito foi realizada uma busca na residência, entretanto os policiais não encontraram nenhum entorpecente.

OPERAÇÃO

Ainda segundo o delegado essa prisão faz parte das ações da Operação Boas Festas que a Polícia Civil desencadeou desde a última segunda-feira (20). “O objetivo dessa operação é de controlar a criminalidade que aumenta nesta época do ano e proporcionar mais segurança para a população que está em clima de festa”, explica Freitas. A operação deverá se encerrar no dia três de janeiro do próximo ano.

Jornal Midiamax