Cidade invadida por corvos há cinco anos convive com rastro de sujeira, fezes e gravetos

População estuda maneiras de espantar as aves, o que inclui até "laser verde"
| 18/01/2022
- 20:35
Ilustrativa
Ilustrativa - Divulgação

Há quase dois anos, a cidade californiana de Sunnyvale, nos estados Unidos, está sendo invadida por corvos. São mais de mil aves que "visitaram" a região, no mesmo período em que a pandemia de covid-19 teve início, e nunca mais saíram de lá. Agora, os moradores estão buscando alternativas para dispersá-los do local.

Isso porque, além de nas ruas, as aves também jogam gravetos e até mesmo fezes por onde passam. Segundo informações do Jornal CBS News, as autoridades da cidade tentaram espantar os pássaros com falcão, mas não obtiveram sucesso.

"As ruas estão basicamente cheias de cocô de corvo", disse o prefeito de Sunnyvale, Larry Klein. Segundo o político explicou ao jornal The New York Times, a luta contra os corvos já dura cinco anos, mas com a pandemia o número dos animais aumentou e a situação saiu do controle.

Agora, a nova tentativa de espantar os bichos da cidade será um laser que custa US$ 20, cerca de R$ 110. O prefeito da cidade explicou a comunidade que ao ver a luz do laser nas árvores à noite, os corvos pensam serem animais correndo sobre o galho. Assim, eles procuram outro local para dormir.

Com o apoio da população de Sunnyvale, os lasers serão testados por três semanas. Os funcionários deverão ficar uma hora por noite apontando o laser verde para os corvos.

Veja também

Conservadores reclamam de não terem tido suas visões incorporadas ao texto

Últimas notícias