China realiza operação com 39 aviões de guerra na região de Taiwan

A força aérea do território insular mobilizou seus próprios jatos e rastreou as atividades chinesas
| 24/01/2022
- 12:12
China realiza operação com 39 aviões de guerra na região de Taiwan
Foto: EFE/EPA/RITCHIE B. TONGO

A realizou nesta segunda-feira, 24, uma operação com 39 aviões de guerra na região de , no maior movimento do tipo este ano, em meio a tensões sobre o futuro da ilha. A ação incluiu 24 caças J-16, dez jatos J-10 e outras aeronaves de apoio, de acordo com o Ministério da Defesa de Taiwan. A força aérea do território insular mobilizou seus próprios jatos e rastreou as atividades chinesas por meio de seus radares.

No domingo, 23, os disseram que dois de seus porta-aviões haviam feito exercícios militares no Mar do Sul da China. O Ministério das Relações Exteriores chinês se recusou a comentar por que o seu Exército realizou uma missão tão grande na segunda-feira, dizendo que não era um assunto diplomático.

Taiwan e China se separaram durante uma guerra civil em 1949, mas Pequim reivindica a ilha como seu próprio território. Os chineses têm usado meios diplomáticos e militares para isolar e intimidar o território, mas os EUA continuaram a apoiar Taiwan por meio da venda armas avançadas e aviões de combate.

 

Fonte: Associated Press.

 

Veja também

Em comunicado, o governo americano informa que ela visitou uma instalação da organização não governamental World Central Kitchen em Varsóvia, na Polônia

Últimas notícias