Mundo

Pfizer já está trabalhando em nova vacina anticovid contra Ômicron

A empresa vai realizar testes para avaliar a eficácia da vacina atual, desenvolvida com a BioNTech, contra a Ômicron

Maria Eduarda Fernandes Publicado em 29/11/2021, às 16h11

O CEO da Pfizer, Albert Bourla
O CEO da Pfizer, Albert Bourla - Divulgação

Com a chegada da nova variante do vírus da Covid-19 na última semana, a Ômicron, a fabricante Pfizer irá realizar teste para verificar qual a eficácia da vacina já desenvolvida sobre esta nova cepa do vírus.

Detectada na África do Sul, e classificada como 'variante de preocupação' pela OMS (Organização Mundial de Saúde), a Ômicron pegou todos de surpresa, visto que o vírus da Covid-19 ainda não está controlado no mundo.

O que todos querem saber é se as vacinas são eficazes contra a Ômicron. Ainda não há confirmação de que o imunizante utilizado atualmente não seja eficaz contra a nova variante, mas já é uma preocupação da empresa.

Em entrevista à rede norte-americana CNBC, o diretor da Pfizer admitiu que ainda há muito que não se sabe sobre a Ômicron, mas o alerta da Organização Mundial da Saúde chama atenção. A Pfizer por sua vez, já começou a desenvolver uma nova versão da vacina, com objetivo de combater a variante. O anúncio foi feito pelo diretor-executo da empresa, Albert Bourla.

Agora, a Pfizer está na primeira etapa que é realizar teste para verificar qual a eficácia da vacina já desenvolvida contra a covid-19. Além da Pfizer, a Moderna também anunciou que começou o desenvolvimento de uma nova versão do imunizante contra a Ômicron. A AstraZeneca disse na sexta-feira (26) que está analisando a variante ômicron para "entender mais sobre ela e o impacto na vacina", incluindo a realização de pesquisas em Botswana e Eswatini

Jornal Midiamax