Mundo

EUA: Casa Branca divulga plano de US$ 1,8 trilhão em investimentos a famílias

O pacote seria financiado, em parte, pelo aumento na carga tributária dos mais ricos

Estadão Conteúdo Publicado em 28/04/2021, às 09h27

Imagem ilustrativa.
Imagem ilustrativa. - (Foto: Reprodução/Agência Brasil)

O governo dos Estados Unidos divulgou na manhã desta quarta-feira (28), uma proposta de US$ 1,8 trilhão em investimentos em áreas como educação, saúde e cuidados infantis. Batizado de "Plano das Famílias Americanas", o pacote seria financiado, em parte, pelo aumento na carga tributária dos mais ricos, incluindo alta do imposto sobre de ganhos de capital a 39,6%.

Em comunicado, a Casa Branca revelou que o projeto consiste em US$ 1 trilhão em gastos distribuídos na próxima década e US$ 800 bilhões em cortes de impostos para a classe trabalhadora.

Entre outros pontos, o texto prevê acesso universal à pré-escola e dois anos de ensino superior gratuito a todos os americanos, inclusive a jovens imigrantes. O programa também estabeleceria licença paga a trabalhadores que precisem se ausentar para cuidar de familiares, além de mobilizar recursos para o combate à insegurança alimentar.

A ideia da administração do presidente Joe Biden é realizar mudanças no código tributário para ajudar a pagar o plano. No total, o nível de impostos aos mais ricos poderia chegar a 43,8% Haveria ainda o estabelecimento de um imposto fixo de 3,8% para todos os americanos que ganhem mais de US$ 400 mil por ano. Biden tem garantido que os contribuintes em faixa de renda inferior a isso não pagarão mais impostos.

O projeto é parte dos esforços dos democratas para revitalizar a maior economia do planeta com foco em investimentos públicos. Em março, o presidente americano sancionou o pacote fiscal de US$ 1,9 trilhão e divulgou um outro plano de US$ 2 trilhões em investimentos à infraestrutura, que ainda precisa do aval do Congresso.

Jornal Midiamax