Depois de 10 meses em coma, jovem acorda sem saber nada sobre pandemia

Perdido e saber da nova realidade em que o mundo está vivendo, o jovem britânico de 19 anos, Joseph Flavill acordou de coma de 10 meses e não sabe nada sobre a pandemia do novo Coronavírus. Algumas semanas antes do primeiro lockdowns na Inglaterra, dia 1° de março, Joseph foi atropelado por um carro em […]
| 03/02/2021
- 18:04
Depois de 10 meses em coma, jovem acorda sem saber nada sobre pandemia
Jovem britânico Joseph Flavill em foto de arquivo sem data, ele acordou de um coma depois de 10 meses em meio a pandemia — Foto: Reprodução/josephsjourney/Arquivo - Jovem britânico Joseph Flavill em foto de arquivo sem data, ele acordou de um coma depois de

Perdido e saber da nova realidade em que o mundo está vivendo, o jovem britânico de 19 anos, Joseph Flavill acordou de coma de 10 meses e não sabe nada sobre a pandemia do novo .

Algumas semanas antes do primeiro lockdowns na , dia 1° de março, Joseph foi atropelado por um carro em Staffordshire. O jovem sofreu uma lesão cerebral traumática e isso fez com que passasse 10 meses em coma. No momento, ainda apresenta dificuldades de movimento e fala e não há previsão de alta.

Em entrevista ao The Guardian, a tia de Joseph afirma que ele não sabe nada sobre a pandemia. “Ele não vai saber nada sobre a pandemia porque está dormindo há 10 meses. Sua consciência está começando a melhorar agora, mas simplesmente não sabemos o que ele sabe”, contou Sally Flavill Smith, tia do jovem.

O atropelamento aconteceu semanas antes do vírus estourar.  “Um ano atrás, se alguém tivesse me contado o que iria acontecer no ano passado, acho que não teria acreditado. Não tenho ideia de como Joseph vai entender o que todos nós passamos”, afirmou Sally.

Joseph não pode receber visitas, conversa com seus familiares apenas por vídeoschamadas, então está começando a ter noção de como tudo está diferente, mas a família acredita que ainda é muito cedo para explicar tudo. “Quando ele realmente puder ter um contato cara a cara, essa será a oportunidade de realmente tentar explicar a ele o que aconteceu”, contou a tia do jovem.

Enquanto o jovem estava em coma, contraiu o vírus duas vezes, mas não trouxe nenhuma complicação grave. A mãe era única que conseguiu visitar o filho no dia do seu aniversário de 19 anos.

Sem conseguir falar, o jovem está reagindo com os olhos as perguntas de sim ou não e foi transferido para outro hospital para que continue sua recuperação.

Veja também

Cidadãos no Japão celebram hoje 77 anos desde o fim da Segunda Guerra Mundial. No...

Últimas notícias