Mundo

Mãe confessa ter matado as três filhas estranguladas, na Áustria

Uma mulher de 31 anos foi presa neste último sábado (17) após confessar ter estrangulado e matado suas três filhas dentro do apartamento da família, em Viena, capital da Áustria. Segundo a imprensa local, a mãe ligou para os serviços de emergência da cidade no início da manhã do mesmo dia, afirmando que iria cometer […]

Renata Fontoura Publicado em 18/10/2020, às 14h32

Investigadores já coletaram provas no local do crime - Imagem: Crédito: HERBERT NEUBAUER/ APA/AFP
Investigadores já coletaram provas no local do crime - Imagem: Crédito: HERBERT NEUBAUER/ APA/AFP - Investigadores já coletaram provas no local do crime - Imagem: Crédito: HERBERT NEUBAUER/ APA/AFP

Uma mulher de 31 anos foi presa neste último sábado (17) após confessar ter estrangulado e matado suas três filhas dentro do apartamento da família, em Viena, capital da Áustria.

Segundo a imprensa local, a mãe ligou para os serviços de emergência da cidade no início da manhã do mesmo dia, afirmando que iria cometer suicídio e relatando os estrangulamentos das crianças de oito meses, três e nove anos. A polícia encontrou as duas filhas mais novas mortas ao chegar no apartamento.

De acordo com comunicado da polícia austríaca, a filha mais velha chegou a ser hospitalizada, mas não resistiu. A mulher teve ferimentos leves e ainda não deu explicações sobre o caso. As equipes de segurança já coletaram provas na cena do crime para as investigações.

Jornal Midiamax