Mundo

Alemanha anuncia afrouxamento gradual no controle de fronteiras

A Alemanha, país mais populoso da Europa, começará a afrouxar a partir do próximo sábado (16) algumas das restrições nas fronteira que haviam sido impostas para reduzir a propagação do novo coronavírus, visando ter o fluxo de viagem para a Europa liberado a partir de 15 de junho, disse o ministro do Interior, Horst Seehofer, […]

Matheus Maderal Publicado em 13/05/2020, às 11h40

Foto: ilustrativa
Foto: ilustrativa - Foto: ilustrativa

A Alemanha, país mais populoso da Europa, começará a afrouxar a partir do próximo sábado (16) algumas das restrições nas fronteira que haviam sido impostas para reduzir a propagação do novo coronavírus, visando ter o fluxo de viagem para a Europa liberado a partir de 15 de junho, disse o ministro do Interior, Horst Seehofer, nesta quarta-feira (13).

Seehofer afirmou que os controles gerais de fronteira acordados com França, Suíça e Áustria, previstos para terminar em 15 de maio, serão estendidos até 16 de junho, mas o maior número possível de travessias será reaberto.

“O objetivo é que, a partir de meados de junho, queremos ter livre trânsito na Europa”, disse ele, acrescentando que os controles podem ser reimpostos se houver novos surtos.

A Alemanha tem hoje 173.546 infectados por coronavírus e 7.780 vítimas da covid-19. No começo da semana, outros países Europeus, como Itália, França, Espanha e Rússia também anunciaram a flexibilização das medidas de isolamento contra a pandemia. (Com agências internacionais)

Jornal Midiamax