Mundo

Agência reguladora autoriza laboratório a realizar testes em grupo para coronavírus nos EUA

A Agência Reguladora de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA, na sigla em inglês) autorizou neste sábado (18) que o laboratório Quest Diagnostics passe a realizar testes em grupo para detectar infectados pelo novo coronavírus. O laboratório passará a reunir amostras de várias pessoas em um único teste, visando expandir a testagem em massa […]

Agência Estado Publicado em 18/07/2020, às 15h23

Ilustrativa
Ilustrativa - Ilustrativa

A Agência Reguladora de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA, na sigla em inglês) autorizou neste sábado (18) que o laboratório Quest Diagnostics passe a realizar testes em grupo para detectar infectados pelo novo coronavírus.

O laboratório passará a reunir amostras de várias pessoas em um único teste, visando expandir a testagem em massa e otimizar o trabalho dos técnicos. Um resultado negativo para o lote significaria que nenhum dos pacientes envolvidos foi contaminado pela covid-19. Em caso de resultado positivo, os materiais coletados serão analisados individualmente para detectar qual indivíduo está infectado.

De acordo com o presidente da Quest Diagnostics, Steve Rusckowski, em nota divulgada à imprensa, a medida é essencial neste momento em que a testagem da população americana ainda não é suficientemente elevada. “O teste de amostras combinadas é uma técnica comprovada que nos ajudará a aumentar a capacidade de testagem neste momento crítico para o nosso país”, disse Rusckowski. “Agradecemos a autorização da FDA”, completou.

Jornal Midiamax