Mundo

Paraguai passa a exigir certificado de vacinação contra febre amarela

Quem sai ou entra no país 

Ana Paula Chuva Publicado em 25/01/2018, às 19h20

None

Quem sai ou entra no país 

O Ministério de Saúde do Paraguai começou a exigir nesta quarta-feira a apresentação do certificado internacional de vacinação a todas as pessoas que entrem em território paraguaio ou se destinem a regiões brasileiras onde o surto de febre amarela está ativo, informou o Escritório Geral de Migrações nesta quinta-feira (25).Paraguai passa a exigir certificado de vacinação contra febre amarela

“As pessoas que planejam viajar para estados considerados ‘zona de risco’ devem se vacinar com, no mínimo, dez dias de antecedência da data da viagem”, informou o Departamento, destacando como estados com perigo de contaminação Bahia, Rio de Janeiro e São Paulo, sem citar Minas Gerais.

Segundo o Escritório, a medida é importante para “prevenir a introdução do vírus” no país. O último surto de febre amarela no Paraguai foi em 2008, quando foram registrados 28 casos.

Jornal Midiamax