Mundo

Funcionário de companhia aérea morre após roubar avião nos Estados Unidos

Um mecânico de avião, de 29 anos, funcionário da companhia Horizon Air, roubou um avião no aeroporto internacional de Seattle-Tacoma, nos Estados Unidos, nesta sexta-feira (10), por volta das 20h local. O homem decolou sem autorização e pouco tempo após levantar voo, caiu na ilha de Ketron, a 48 km do aeroporto. O xerife de […]

Egina Becker Publicado em 11/08/2018, às 08h37 - Atualizado às 08h38

None

Um mecânico de avião, de 29 anos, funcionário da companhia Horizon Air, roubou um avião no aeroporto internacional de Seattle-Tacoma, nos Estados Unidos, nesta sexta-feira (10), por volta das 20h local. O homem decolou sem autorização e pouco tempo após levantar voo, caiu na ilha de Ketron, a 48 km do aeroporto.

O xerife de Pierce informou à TV CNN que a queda foi causada pela falta de habilidade do piloto ou pelas manobras que o piloto no ar, sem preparo. Disse ainda que não havia passageiros a bordo do avião, apenas o funcionário, que morreu.

O acidente incendiou a mata local e os bombeiros precisaram ser acionados para conter o fogo. O aeroporto chegou a ser paralisado, mas já retomou às atividades normalmente.

Diversas agências federais estão investigando o incidente. “Estamos trabalhando para descobrir tudo o que for possível sobre o que aconteceu, trabalhando com a Administração Federal de Aviação, o FBI e o Conselho Nacional de Segurança no Transporte. Estamos dando aos investigadores nosso total apoio e cooperação”, comunicou Brad Tilden.

Nas redes sociais, a chefe de operações da Horizon, Constance von Muehlen, gravou um recado em que lamenta o ocorrido. “Nossos corações estão com a família do indivíduo a bordo, assim como com os nossos funcionários da Alaska Airlines e da Horizon”, disse.

Jornal Midiamax