Mundo

Estados Unidos enviam reforços para ofensiva contra o Estado Islâmico na Síria

Seria o último e principal reduto dos terroristas no país

Ana Paula Chuva Publicado em 06/07/2017, às 17h03

None

Seria o último e principal reduto dos terroristas no país

A coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos enviou reforços de pessoal e armamento para as FDS (Forças Democráticas Síria) para fortalecer a ofensiva na cidade síria de Al Raqqa, para expulsar o EI (Estado Islâmico) de seu último e principal reduto no país. As informações são da Agência Télam.Estados Unidos enviam reforços para ofensiva contra o Estado Islâmico na Síria

Dezenas de caminhões vieram da fronteira do Iraque para a Síria e seguiram em direção a Al Raqqa, onde as FDS, uma aliança armada liderada por milícias curdas, estão há um mês em uma ofensiva na cidade, informou nesta quinta-feira (6), o Observatório Sírio para os Direitos Humanos.

A organização, que faz oposição ao governo sírio de Bashar al-Assad, disse que nas últimas horas ocorrem vários combates em diferentes frentes no norte da Al Raqqa.

A aliança liderada pelos curdos tem o apoio de aviões da coalizão internacional liderada pelos EUA e de tropas especiais em terra, que agora recebem reforço norte-americano.

Em 6 de junho, o FDS começou o ataque nas regiões norte, leste e oeste de Al Raqqa e, nos últimos dias, tinha feito progressos significativos no sul da cidade.

Jornal Midiamax