Mundo

Elefante invade aldeias e mata quatro pessoas na Índia

Entre mortos está uma criança

Joaquim Padilha Publicado em 02/06/2017, às 11h49

None

Entre mortos está uma criança

Um elefante atacou várias aldeias ao sul da Índia, nesta sexta-feira (2), deixando pelo menos quatro pessoas mortas. Entre elas está uma menina. Policiais do serviço florestal utilizaram tranquilizantes para tentar barra o animal.

“Vamos tentar pegar o elefante usando tranquilizantes. Neste momento ele descnasa entre alguns arbustos, em uma área com pucas árvores”, disse o agende do Departamento Florestal da Índia, Rama Subrahmaniyam.

Segundo a Agência EFE, o elefante macho teria ultrapassado as fronteiras de uma floresta, chegando a uma aldeia a cerca de 12 quilômetros da cidade de Coimbatore, no estado indiano de Tamil Nadu.

Na aldeia, o animal teria surpreendido um pai e sua filha de 12 anos, matando a menina enquanto dormia. Logo em seguida o elefante foi até uma fazenda, onde deixou um agricultor de 73 anos morto, e matou mais duas idosas em outra aldeia.

Subrahmaniyam explica que o comportamento do animal era imprevisível. “As mulheres se encontravam a 15 quilômetros da floresta mais próxima, por isso nunca suspeitaram que poderia aparecer um elefante”.Elefante invade aldeias e mata quatro pessoas na Índia

O elefante deve ser levado a um abrigo quando for capturado. Ele estava sendo seguido por guardas florestais desde esta quarta-feira (31), após ter atacado dois funcionários do serviço florestal, em uma estrada.

Os guardas foram hospitalizados, mas não correm perigo. “Os ataques foram muito estranhos, pois as pessoas nunca imageinaram que pudesse aparecer um elefante aqui”, explica Subrahmaniyam.

Existem mais de 27 mil elefantes selvagens na Índia, cerca de metade de todo o continente asiático. Eles estão espalhados em 30 reservas florestais, principalmente ao sul do país.

(com supervisão de Evelin Cáceres)

Jornal Midiamax