Mundo

Vaticano canonizará Madre Teresa de Calcutá em setembro

Ela era conhecida por ações humanitárias na Índia

Guilherme Cavalcante Publicado em 15/03/2016, às 18h23

None
captura_de_tela_de_2016-03-15_150751.png

Ela era conhecida por ações humanitárias na Índia

O papa Francisco assinou hoje (15) o decreto de canonização de Madre Teresa de Calcutá, conhecida em todo o mundo pelas obras de caridade na Índia, anunciou o Vaticano.

A cerimônia de canonização será em 4 de setembro. A decisão foi tomada numa reunião de cardeais  encarregados de examinar a causa da religiosa, que morreu em 1997 e foi beatificada em 2003.

Nascida em 26 de agosto de 1910 e falecida em 5 de setembro de 1997, Madre Tereza era Albanesa e dedicou a vida a trabalhos sociais. Foi beatificada em 19 de outubro de 2003, com a ocorrência de um milagre ocorrido com Monica Besra, uma indiana, que foi curada de um tumor no estômago de forma inexplicável e cuja cura foi atribuída a Madre Teresa.

Jornal Midiamax