Mundo

Incêndio em maternidade de Bagdá deixa ao menos 11 recém-nascidos mortos

A suspeita é de problema na fiação elétrica

Norberto Liberator Publicado em 10/08/2016, às 11h12

None
incendio_iraque.jpg

A suspeita é de problema na fiação elétrica

Um incêndio deixou uma maternidade de Bagdá, capital do Iraque, completamente destruída na madrugada desta terça (9) para quarta-feira (10).

Ao menos 11 recém-nascidos morreram, de acordo com as autoridades locais. O incidente pode ter sido causado por defeito no sistema de eletricidade.

De acordo com o jornal britânico The Sun, cerca de sete outras crianças e 29 mães foram retiradas do hospital Yarmouk, onde ocorreu o incêndio, e transferidas para outro local. Três dos bebês levados apresentavam sintomas de inalação de fumaça.

O incidente começou por volta da meia-noite local, de acordo com o ministro da Saúde iraquiano, Adeelah Humood. Equipes de perícia envolvendo policiais e cientistas forenses conduzem os trabalhos de busca e reconhecimento de corpos.

Jornal Midiamax