Mundo

Após incêndio em acampamento milhares de imigrantes fogem na Grécia

Aparentemente chamas foram intencionais

Ana Paula Chuva Publicado em 19/09/2016, às 20h17

None
fogo-moria.jpg

Aparentemente chamas foram intencionais

Um incêndio fez milhares de imigrantes fugirem de um dos principais acampamentos de deslocados na ilha grega de Lesbos, nesta segunda-feira. Segundo informações da policia o incêndio nas instalações é aparentemente intencional.

De acordo com a France Presse ninguém ferido com as chamas que destruíram tendas e casas pré-fabricas. A polícia informou que os fores ventos atiçaram as chama e que entre 3 e 4 mil imigrantes fugiram do acampamento de Moria.

A superlotação e a demora nos processos de pedidos de asilo frequentemente causam tensão entre diferentes grupos étnicos em Moria.De acordo com a ONG LifeguardHellas, que trabalha com refugiados na ilha, o fogo foi controlado e voluntários distribuíram água e ajudavam as famílias afetadas.

De acordo com a AP, 5.400 migrantes e refugiados moram em Lesbos, que é o principal destino dos mais de um milhão de pessoas que chegam à Grécia a partir da Turquia, desde o começo de 2015. Ainda de acordo com a agência, o número de acomodações organizadas para eles é de 3.500.

Jornal Midiamax