Mundo

Ao menos 29 rebeldes sírios mortos em combates em Aleppo

Integrantes das forças pró-governo também morreram no confronto

Wendy Tonhati Publicado em 10/07/2016, às 11h05

None
download.jpg

Integrantes das forças pró-governo também morreram no confronto

Ao menos 29 rebeldes morreram em confrontos com soldados do regime em uma tentativa frustrada de reabrir uma rota de abastecimento na cidade síria de Aleppo, informou uma ONG neste domingo.

Os rebeldes dos grupos islamitas Faylaq al-Sham e Al-Nosra, o braço sírio da Al-Qaeda, morreram quando tentavam reabir a estrada conhecida como 'Castello', uma rota que as forças do regime bloquearam na quinta-feira passada, indicou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

A estrada era a única que ainda permitia o abastecimento dos rebeldes que controlam a zona leste de Aleppo, uma cidade dividida desde 2012 entre forças do governo e opositores.

Segundo o OSDH, integrantes das forças pró-governo também morreram no confronto.

"O ataque terminou e a estrada continua completamente fechada", afirmou o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.

Jornal Midiamax