Mundo

Estado Islâmico incendeia igreja cristã assíria no norte da Síria

Explosão foi ouvida na zona da igreja de "Nossa Senhora", localizada na aldeia Tel Nasri

Clayton Neves Publicado em 05/04/2015, às 11h43

None
siriaigrejaincendioeitwitter_2.jpg

Explosão foi ouvida na zona da igreja de “Nossa Senhora”, localizada na aldeia Tel Nasri

Membros do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) incendiaram neste domingo (5) uma igreja assíria na província de Al Hasaka, no nordeste da Síria, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Em comunicado, a ONG explicou que foi ouvida uma explosão na zona da igreja de “Nossa Senhora”, localizada na aldeia Tel Nasri, de onde é possível ver uma coluna de fumaça.

Testemunhas disseram que a fumaça é por conta de um incêndio que os jihadistas provocaram em várias partes do templo.

A aldeia de Tel Nasri, em mãos do EI, está habitada majoritariamente pelo grupo étnico assírio, de credo cristão.

Os arredores da zona são palco há semanas de combates entre o EI e Unidades de Proteção do Povo Curdo, que contam com o apoio da milícia do Conselho Militar Siríaco.

Estas últimas forças avançam de maneira lenta porque os jihadistas colocaram bombas em Al Nasri e seus arredores.

O EI entrou em fevereiro passado nos povos de maioria assíria de Al Hasaka, onde sequestrou várias centenas de membros deste grupo étnico cristão.

Antes do início do conflito em território sírio, em março de 2011, havia 200 mil assírios, embora agora restam apenas entre 15 mil e 20 mil neste país.

Seu idioma, o assírio, é uma mistura de acádio, uma antiga língua de Mesopotâmia, e de aramaico, que também é usado na liturgia.

Jornal Midiamax