MidiaMAIS / TV & Novela

Pega Pega envergonha Globo e dá vexame histórico para a emissora

Experiência com "Novo Mundo" previa o fracasso, mas canal insistiu

João Ramos Publicado em 22/07/2021, às 11h21

Dúvida se o folhetim de 2017 conseguirá repetir o êxito paira sobre a emissora
Dúvida se o folhetim de 2017 conseguirá repetir o êxito paira sobre a emissora - (Foto: Reprodução)

Quem diria que uma novela que explodiu em audiência em sua exibição original, há 4 anos, floparia colossalmente em uma reprise precoce, no mesmo horário? Todo mundo, menos a Globo.

Em apenas três capítulos, a emissora já acendeu um sinal de alerta para a reprise das 19 horas que estreou segunda-feira (19), substituindo a inédita "Salve-se Quem Puder", para tapar o buraco enquanto "Quanto Mais Vida Melhor" não fica pronta para ocupar a faixa.

"Pega Pega" voltou à grade com terríveis 24 pontos no Ibope, potencializando o recorde negativo superado na terça (20), quando marcou 23. Na quarta (21), voltou a repetir os 24. Em comparação com os números de 2017, quando a trama foi ao ar pela primeira vez, o desempenho é assustador.

Os 24 pontos no primeiro capítulo são a pior audiência de todos os tempos para uma estreia (ou reestreia) no horário. A marca já foi atingida outras vezes, por fracassos como "Além do Horizonte" e "Geração Brasil".

Novela de época e sucesso há quatro anos teve desempenho sofrível quando reprisada na pandemia

Por experiência própria

Recentemente, ao reprisar "Novo Mundo", também de 2017, na faixa das 18 horas, a Globo viveu situação parecida e parece não ter aprendido com o próprio erro ou não ligar para isso. "Novo Mundo" foi um fenômeno naquele ano, mas ao retornar à telinha em reprise recente no mesmo horário, fez os números da emissora caírem fortemente.

"Pega Pega" foi um dos maiores sucessos de audiência do horário das 19 horas na década de 2010. Apesar do baixo desempenho ser previsível por acompanhar o histórico de "Novo Mundo", reprisada em 2020, a novela do Carioca Palace é muito maior, o que pode prejudicar bastante a edição.

A trama de Cláudia Souto conta com quase 200 capítulos, enquanto "Novo Mundo" tinha apenas 160. "Império", atualmente reprisada na faixa das 21 horas, ultrapassa os 200 episódios. Com previsão de estrear os folhetins inéditos ainda em 2021, a emissora precisará retalhar essas histórias quilométricas se quiser lançar suas novas tramas até novembro, como vem apostando.

Os dados de audiência mencionados neste texto são referentes à cidade de São Paulo, principal mercado de aferição do Ibope e termômetro usado pelas emissoras para medir o sucesso no país. 

Jornal Midiamax