Veteranos como Zezé Motta, João Miguel, além de novos talentos, como Bruno Fagundes, estão na plataforma de streaming

A dança dos contratos das emissoras tradicionais faz com que muitos atores, que não assinaram para novas temporadas, se voltem para a . A plataforma de streaming contratou, recentemente, nomes como Leonardo Brício , ex-protagonista de “Rei Davi”, e Fernanda Vasconcellos, a Bruna de “Haja Coração” (Globo).

“3%”, primeira série de contéudo original brasileiro da Netflix, emprega veteranos da TV como Zezé Motta e João Miguel. O segundo ano contará com o acréscimo de Fernanda Vasconcellos ao elenco, além de Maria Flor (“A Lei do Amor”) e Sílvio Guindane (“Vai que Cola”). Atores da nova geração, como Bruno Fagundes (“Meu Pedacinho de Chão”), também foram contratados.

Sem contratos com emissoras abertas, atores migram para a Netflix

A produção sobre os bastidores da Operação Lava Jato atraiu o cineasta e ator Selton Mello. A ficha técnica de “O Mecanismo” inclui ainda Carol Abras (“I Love Paraisópolis”), Lee Taylor (“Velho Chico”), Enrique Dias (“Felizes Para Sempre?”) e Leonardo Medeiros (“Em Família”).