MidiaMAIS / TV & Novela

Atores da Globo “fogem” de novela de Ruy Barbosa

A Globo suou para fechar todo o elenco da sua próxima novela das 18 horas, “Meu Pedacinho de Chão”, escrita por Benedito Ruy Barbosa. A dois meses da estreia, muitos atores e atrizes da emissora declinaram de papéis na trama. Somente no mês passado é que a Globo terminou o “cast”. O motivo da rejeição […]

Arquivo Publicado em 19/02/2014, às 11h33

None

A Globo suou para fechar todo o elenco da sua próxima novela das 18 horas, “Meu Pedacinho de Chão”, escrita por Benedito Ruy Barbosa. A dois meses da estreia, muitos atores e atrizes da emissora declinaram de papéis na trama. Somente no mês passado é que a Globo terminou o “cast”.

O motivo da rejeição de alguns atores para participar da novela foi a fama de Ruy Barbosa de sempre atrasar a entrega de capítulos. Isso causou caos nas gravações e revoltou muitos artistas, que, em outras novelas, chegaram a ser obrigados a gravar um capítulo no mesmo dia em que ele ia ao ar. Por causa de seu atraso, Ruy Barbosa já foi até afastado no meio de uma novela –ele não conseguia cumprir os prazos (“Esperança”).

Convidados para entrar na trama que susbtituirá “Joia Rara”, alguns artistas arranjaram desculpas e fugiram do trabalho mais rapidamente que vampiros diante de alho e água benta; mais ligeiros que diabo fugindo da cruz; qual cobras diante de um faminto mangusto.

Sabendo da rejeição a um de seus mais famosos e consagrados novelistas, a Globo fez com que Ruy Barbosa entregasse todos os capítulos da novela antes mesmo de sua estreia. Com o roteiro completo em mãos, garantindo que não haveria mais pandemônio nas gravações, a emissora conseguiu um elenco de bom nível: Juliana Paes, Osmar Prado e Ney Latorraca estão nele.

“Meu Pedacinho de Chão” é um remake do próprio Benedito. A original foi exibida no início da década de 70 na TV Cultura. Teve Renée de Vilmond, Dionísio Azevedo (1922-1994) e Maurício do Valle (1928-1994) no elenco.

Recentemente, durante as gravações de “Amor à Vida”, alguns atores também fizeram queixa formal à Globo porque algumas gravações “encavalaram”, o que os obrigou a trabalhar até 18 horas em um só dia.

Jornal Midiamax