MidiaMAIS / Música

Bandas Macéga e Haiwanna levam o Rock para a Feira Central nesta quinta

A 3ª edição do projeto Music e Food – Música que Alimenta, da Feira Central, tem programação gratuita voltada para quem gosta de rock’n roll

Carlos Yukio Publicado em 01/10/2020, às 08h10

None
Bandas Macéga e Haiwanna levam o Rock para a Feira Central nesta quinta

A terceira edição do projeto Music e Food – Música que Alimenta, da Feira Central, tem programação voltada para quem gosta de rock’n roll com apresentação das bandas Macéga e Haiwanna. Com duas atrações musicais por dia, a ideia é promover uma mistura de sonoridades e estilos musicais e estimular que a população retorne, com segurança, a ocupar os espaços da cidade. O projeto acontece na quinta-feira (1º) às 19h30, e tem entrada gratuita.

Quem estreia o palco é a banda Macéga, formada pelos músicos Roger Simmons na guitarra e voz, Jane Jane no contra baixo, Fran na guitarra e voz e Mário Domingos na bateria. A Macéga conta com a originalidade e experiência dos seus músicos, atuantes há vários anos no cenário musical. Além de músicas autorais, o grupo traz um repertório eclético, transitando com segurança entre as principais vertentes do Rock and Roll ao interpretar com precisão os arranjos de Bandas como Queen, Bom Jovi, Whitesnake, Elvis Presley, Beatles, Scorpions, Pink Floyd, Kiss, Creedence, Deep Purple, entre outros.

Bandas Macéga e Haiwanna levam o Rock para a Feira Central nesta quinta
A Haiwanna há 23 anos faz parte do cenário musical de Campo Grande com o rock brasileiros inspirado nos anos 80. (Foto: Divulgação)

A pioneira Haiwanna encerra a programação com muito rock brasileiro dos anos 80, estilo referência para a banda desde sua formação datada em junho 1997. Hugo (voz), Diegomar (guitarra), Danilo (Baixo) e Maykon (bateria) formam a Haiwanna e prometem um show animado na Feira.

O Music e Food funciona no sistema de mesas, dispostas seguindo as normas de biossegurança, para garantir a segurança daqueles que irão assistir ao show. Os protocolos, como exigência de máscara facial, e medição de temperatura corporal, são seguidos. O projeto é uma parceria entre a Afecetur (Associação da Feira Central e Turística de Campo Grande) com a Prefeitura Municipal em parceira com o Governo do Estado.

As barracas e boxs da Feira Central de Campo Grande estarão funcionando normalmente durante o evento. O projeto acontece até o fim de novembro, sempre às quintas-feiras, com duas atrações musicais por dia, promovendo uma mistura de sonoridades e estilos musicais.

Jornal Midiamax