A influenciadora Kamila Rigobeli compartilhou em suas redes sociais a experiência assustadora que viveu após praticar uma aula experimental de spinning. No vídeo que fez relatando o caso, ela explicou que foi acompanhar uma amiga na atividade física e já na descida do aparelho começou a sentir dores e desconfortos.

Com o passar dos dias, Kamila percebeu inchaços no corpo, as dores foram se intensificando e o desespero cresceu ainda mais quando sua urina ficou preta. Ela decidiu ir ao hospital e lá recebeu o diagnóstico de rabdomiólise.

“Assim que recebi os resultados dos exames, fui direto pra UTI. Meus níveis da toxina liberada pela lesão muscular eram tão elevados que eles nem conseguiram um número”, relata ela no vídeo. “O que muita gente não sabe é que essa toxina que o próprio organismo produz após uma lesão muscular pode afetar vários órgãos e no meu caso, já estava comprometendo meu rim e fígado”, continua ela.

O que é rabdomiólise?

Rabdomiólise é uma doença que ocorre por uma reação natural do corpo principalmente a uma lesão muscular grave, mas outros fatores podem desencadear um quadro, como: compressão muscular, imobilização prolongada, uso de drogas ou medicamentos, doenças infecciosas, entre outros.

Os sintomas mais comuns são falta de força, fadiga muscular, diminuição da urina ou urina escura, como o caso de Kamila. “Parecia que minhas pernas não aguentavam mais meu peso. O que aconteceu foi que depois de três dias eu já não conseguia andar mais e comecei a urinar um líquido preto, igual Coca-Cola”, relatou ela no vídeo.

O tratamento da rabdomiólise é feito por um clínico geral e varia conforme a causa que levou o paciente ao diagnóstico. Normalmente a internação é necessária, assim como aplicação de soro, para manter a hidratação afim de evitar complicações como insuficiência renal.

Confira o relato de Kamila: