Gusttavo Lima é condenado novamente a pagar quase R$ 50 mil por usar número de celular em música

Mulher alegou receber milhares de ligações e mensagens, o que teria a prejudicado psicologicamente
| 29/07/2022
- 20:25
'Buteco' de Gusttavo Lima será em fevereiro na Capital
Imagem ilustrativa - (Foto: Reprodução/Instagram)

O sertanejo Gusttavo Lima foi condenado novamente a pagar quase R$ 50 mil de indenização por danos morais a uma mulher do Paraná, que possui o mesmo número de celular usado na ‘Bloqueado’. O cantor já havia sido condenado pelo mesmo motivo em data anterior.

Vale lembrar que um terceiro processo corre contra o cantor também pelo mesmo fato. Neste caso, se trata de uma moradora de Fátima do Sul. A sul-mato-grossense declarou que sua vida "continua um inferno" por conta dos trotes enviados pelos fãs do sertanejo.

"Já até acostumei, mas não deixa de ser incômodo. Incomoda muito, às vezes você está esperando uma ligação mas na verdade é um trote", lamenta ela.

No caso recente, a situação é a mesma, a mulher alega que passou a receber milhares de ligações e mensagens de uma multidão de seguidores do artista desde que a música foi lançada. Segundo a ação, o fato tem causado prejuízos psicológicos.

De acordo com o portal Terra, o juiz do caso decidiu pela condenação de Gusttavo Lima a pagar cerca de R$ 48 mil.

Cinco meses e os trotes continuam

Cinco meses após abrir um processo contra o cantor Gusttavo Lima, Alessandra Duarte, moradora da cidade de Fátima do Sul, continua sem uma resposta da Justiça, depois que o sertanejo lançou uma música em que menciona seu número de telefone.

Alessandra, de 33 anos, move o processo contra Gusttavo desde o início de janeiro de 2022. Recentemente, ainda em junho, o artista foi condenado por outra ação motivada pela mesma razão, já que o número de telefone mencionado na canção pertence a várias pessoas do país. No entanto, o processo da moradora de MS continua estagnado.

"Nenhuma novidade, tudo na mesma. Tem que ver com o advogado, mas nenhuma atualização até agora. Essa mulher que ganhou [a ação] foi a primeira que abriu processo, por isso o dela saiu primeiro", disse Alessandra.

Outra condenação de Gusttavo Lima

Gusttavo Lima foi condenado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo a pagar uma indenização para uma das donas de um número de celular citado na música "Bloqueado", no início de junho.

Conforme o UOL, ele terá que pagar um valor de R$ 50 mil. A proprietária do número de celular disse à Justiça que descobriu que seu telefone havia sido citado na música quando começou a receber ligações e mensagens de fãs do sertanejo, ainda em 2021, no mês de agosto.

A situação ficou ainda pior depois que o próprio cantor postou nas uma mensagem incentivando seus fãs a ligarem para o número e descobrirem a quem ele pertencia. "Tal fato gerou uma enxurrada de ligações e mensagens", alegou a defesa da mulher à Justiça.

Responsável pelo processo, a juíza Tamara Hochgreb Matos afirmou que ainda que Gusttavo Lima não tenha tido a intenção de prejudicar ninguém, "ele não teve a mínima cautela ao mencionar no refrão de sua música um número de telefone existente, de titularidade de pessoa desconhecida".

Veja também

Mo Li Kai-yin passou por duas cirurgias após ser atingido por telão de LED no final de julho

Últimas notícias