O Jão relatou neste domingo (24) que foi vítima de uma perseguição misteriosa e precisou fugir por medo. Ele revelou que chegou a temer pela própria vida ao ser perseguido por um carro depois de um show, quando estava a caminho de São Paulo.

“Notamos que havia um outro carro há muito tempo próximo do nosso. Seguindo a gente. Estava bem grudado. No começo, achei que não fosse nada”, iniciou, contando.

Os integrantes do carro de Jão então tentaram despistar os perseguidores. “A gente decidiu desviar a rota da minha casa, pra ver se era uma impressão nossa. Não sei qual era a intenção de quem tava ali. De vez em quando a gente via flash de celular da janela do carro”, afirmou o artista.

“Começou a ficar perigoso, porque a gente começou a ter que subir no meio-fio, cortar quarteirão, atravessar sinal. Isso durou uns trinta minutos, eles achavam a gente o tempo inteiro, não sei como. O que eu tava com mais medo é que a gente fosse sofrer um acidente, porque toda hora eu achava que a gente ia capotar, ou que eles iam bater na gente”, lamentou Jão.

O cantor terminou o relato fazendo um apelo: “Eu nem deveria estar pedindo isso, porque é uma coisa óbvia, mas não façam isso, por favor. Foi perigoso pra mim, pra minha equipe, pros meus amigos que tavam lá”, finalizou ele.