MidiaMAIS / Famosos

Viúva de Gugu Liberato pede pensão mais alta e Justiça nega

Rose Miriam di Matteo não é uma das herdeiras do comunicador, mas conseguiu em caráter provisório o direito a receber uma pensão mensal

Nathália Rabelo Publicado em 25/10/2021, às 15h15

Rose Miriam di Matteo e Gugu Liberato
Rose Miriam di Matteo e Gugu Liberato - Foto: Reprodução

Rose Miriam di Matteo segue brigando na Justiça para ter direito à herança de Gugu Liberato, morto em novembro de 2019, após sofrer um acidente doméstico em sua casa nos Estados Unidos.

Agora, a médica teve negado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) um pedido para receber uma pensão mensal mais alta. A informação é do site Na Telinha.

Rose Miriam não é uma das herdeiras do comunicador, mas conseguiu, em caráter provisório, o direito a receber uma pensão mensal. Porém, os filhos dela com o comunicador recorreram da decisão e conseguiram uma liminar para suspendê-la no começo de 2020.

Os desembargadores Edson Luiz de Queiroz, César Peixoto e Galdino Toledo Júnior, em decisão tomada no dia 19 de outubro, confirmaram a liminar, rejeitando o pagamento da pensão.

“Se Gugu não havia assumido qualquer encargo dessa natureza, não é possível promover esse tipo de pedido em face de espólio”, afirmou Toledo.

Na mesma decisão, ainda foi reconhecido que Rose continue recebendo o valor equivalente a US$ 10 mil, cerca de R$ 56,7 mil, valor este que o apresentador repassava com o objetivo de custear suas despesas e dos filhos.

Jornal Midiamax