MidiaMAIS / Famosos

Fenômeno do BBB 21, Juliette não deve superar marca histórica conquistada por Fael em 2012

Cenário aponta que veterinário sul-mato-grossense continuará sendo o detentor do recorde

João Ramos Publicado em 29/04/2021, às 12h57

Fael ganhou o BBB 12 e Juliette caminha para a vitória do BBB 21
Fael ganhou o BBB 12 e Juliette caminha para a vitória do BBB 21 - (TV Globo)

Maior fenômeno da história do Big Brother Brasil, a paraibana Juliette Freire não deve superar recorde histórico de Fael, alcançado em 2012.

O médico veterinário da cidade de Aral Moreira, em Mato Grosso do Sul, é, até então, o brother que venceu o reality com a maior porcentagem dos votos.

Quando participou do BBB, em 2012, o sul-mato-grossense foi campeão com 92% de aprovação. Fael era querido e disputou a final com a sister Fabiana, considerada maior jogadora daquela edição, mas rejeitada pelo público acusada de ser falsa. O recorde de Fael nunca foi superado.

Fabiana e Fael na final do BBB 12 (TV Globo)

Fenômeno Juliette

Cenário aponta que, na próxima terça-feira (4), quando a 21ª edição do reality chegará ao fim, a paraibana não conseguirá alcançar ou ultrapassar a marca histórica do veterinário, apesar de seu fenômeno inquestionável.

O sucesso de Juliette não deve ser o suficiente para fazê-la vencer com a maior porcentagem da história. O empecilho para isso é o seu próprio sucesso, que ultrapassou barreiras e acumulou ganhos incalculáveis ainda dentro da casa.

Até o momento, o jogo aponta para uma final entre Juliette, Gilberto e outro brother ainda a ser definido. Com dois fortes concorrentes no páreo, as torcidas devem se dividir e Juliette pode acabar não chegando nem perto dos 90%.

Juliette é a última líder do BBB 21 (TV Globo)

Quase unanimidade entre o público, a paraibana só não alcançará a marca por já ter se tornado um fenômeno fora da casa, antes mesmo de deixar o reality. Juliette já sai do BBB cheia de contratos e acordos assinados, super disputada por marcas de peso e com mais de 1 milhão e meio garantidos.

Esse fato leva uma parcela da audiência a querer que Gilberto fique com o prêmio, já que ele não acumula nem metade dos ganhos financeiros que a paraibana conseguiu por sua participação nesta edição.

Diante disso, internautas acreditam que o título de vencedor do reality com maior porcentagem deve mesmo continuar com o sul-mato-grossense Fael.

Jornal Midiamax