MidiaMAIS / Famosos

DJ Ivis é indiciado pela polícia por três crimes

Ele está preso desde o dia 14 de julho e responderá por violência doméstica cometida contra a companheira Pamella Holanda

João Ramos Publicado em 28/07/2021, às 10h32

Cantor teve a cabeça raspada ao chegar em presídio de segurança máxima no Ceará
Cantor teve a cabeça raspada ao chegar em presídio de segurança máxima no Ceará - (Fotos: Reprodução)

Flagrado em vídeos agredindo a ex-mulher Pamella Holanda, DJ Ivis foi indiciado pela Polícia Civil do Ceará por três crimes: lesão corporal, ameaça e injúria no âmbito da violência doméstica. O produtor musical está preso desde o dia 14 de julho em um presídio em Fortaleza, no Ceará.

"A Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) informa que concluiu, no último dia 22, e remeteu ao Poder Judiciário do município do Eusébio, o inquérito policial que investigava uma ocorrência no âmbito de violência doméstica registrado, no último dia três deste mês", disse em nota enviada ao UOL.

"Com a conclusão das investigações, o suspeito foi indiciado pelos crimes de lesão corporal, ameaça e injúria no âmbito da violência doméstica", completou a polícia em comunicado.

A polícia ainda informou que o músico agrediu a ex-mulher em dezembro do ano passado, o que descaracteriza os casos recentes como isolados. Após o procedimento, uma medida protetiva foi decretada para evitar que o cantor se aproximasse de Pamella. Ao todo, nove pessoas foram ouvidas.

Jornal Midiamax