MidiaMAIS / Famosos

Clipe de Luísa Sonza é banido do Youtube, ela sobe em site pornô e é criticada

Plataforma censurou o clipe de Mulher do Ano e a cantora afirmou que subirá a canção no XVideos

Nathália Rabelo Publicado em 06/08/2021, às 13h39

Luísa Sonza
Luísa Sonza - Foto: Reprodução/Instagram

A cantora Luísa Sonza revelou que o lyric vídeo da canção Mulher do Ano, publicada nessa quinta-feira (5/8) em seu perfil no YouTube, foi censurado pela plataforma. A loira não gostou da medida.

Em seu perfil do Twitter, Luísa criticou o YouTube por censurar seu trabalho, mas ignorar as falas do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Indignada com a situação, a loira publicou o vídeo em um site de conteúdo pornográfico.

“Acabaram de bloquear e censurar o lyric de Mulher do Ano no YouTube. Censurar o Bolsonaro, que só fala bosta, ninguém faz. Vou subir essa porr* no XVideos até isso se resolver”, escreveu.

Críticas

O fato de Luísa publicar o vídeo no site pornográfico causou bastante irritação dos fãs. Muitos seguidores lamentaram, principalmente porque a gaúcha tem muitos fãs menores de idade. Com a má repercussão, a cantora apagou o tweet com o link alternativo ao clipe e também removeu o conteúdo do site adulto. O YouTube ainda não se pronunciou sobre a retirada do clipe.

A música "Mulher do ano" integra o repertório do álbum "DOCE 22", lançado no dia 18 de julho. O disco é o segundo mais ouvido nas plataformas digitais no Brasil nesta semana. No clipe, Luísa Sonza troca beijos ardentes com Vitão na poltrona de trás de um carro.

Jornal Midiamax