MidiaMAIS / Famosos

Thammy, Kid Bengala, Diego Hypólito: saiba quais famosos são candidatos

Famosos e nem tão famosos assim figuram como candidatos e tentam em 2020 conseguir uma cadeira de vereador nas Câmaras Municipais

Carlos Yukio Publicado em 15/11/2020, às 15h35

None
Thammy, Kid Bengala, Diego Hypólito: saiba quais famosos são candidatos

Famosos e nem tão famosos assim, as chamadas subcelebridades, figuram como candidatos e tentam em 2020 conseguir uma cadeira de vereador nas Câmaras Municipais do país neste domingo (15). De conde a ex-jogadores de futebol e atleta medalhista olímpico; de ex-BBBs a artistas que se fiam no sucesso do passado como arma para conquistar votos.

Exemplos são Tiririca (PL-SP), que se elegeu deputado federal com o controverso bordão “pior do que tá não fica”, muitos deles apostam em slogans engraçados ou inusitados. “São Paulo é uma causa nobre” é, por exemplo, o jargão utilizado pelo autointitulado conde Chiquinho Scarpa (PSD), 69, em sua busca por uma vaga no Legislativo paulistano.

Já Clóvis Basílio dos Santos, o ator pornô famoso pelo seu nome artístico Kid Bengala (PTB), 65, vai ainda mais longe nos trocadilhos sexuais e costuma dizer em sua campanha para vereador na capital paulista que “é pau para toda obra” – em 2008, quando tentou se eleger pela primeira vez, ele teve apenas 902 votos. Também se candidatou em 2014 a deputado estadual e saiu derrotado após receber só 1.106 votos.

Este é também o segundo pleito como candidato a vereador por São Paulo de Thammy Miranda,  de longe um dos nomes mais famosos entre as celebridades, só no Instagram, ele soma 3,1 milhões de seguidores. Em 2016, o filho de Gretchen obteve 12.408 votos, foi o segundo mais votado no seu partido, o Partido Progressistas (PP) – hoje Progressistas -, mas não se elegeu. Neste ano, Thammy concorre pelo Partido Liberal (PL). Na campanha, ele conta com o apoio da mãe, que não se faz de rogada e vai às ruas ao lado do filho.

Entre os esportistas, Diego Hypolito (PSB), usa a sua experiência como ginasta, marcada por altos e baixos, e muita superação, como seu principal trunfo na corrida a vereador de São Paulo. Os ex-jogadores de futebol Marcelinho Carioca e Dinei, por sua vez, destacam as glórias conquistadas no Corinthians na disputa por uma vaga na Câmara da cidade.

Marcelinho também deixa claro que apoia o presidente Jair Bolsonaro. Em julho deste ano, ele causou polêmica entre parte da torcida corintiana ao visitar o político no Palácio do Planalto e presenteá-lo com uma camisa do time do Parque São Jorge, Bolsonaro é palmeirense. O ex-jogador já tentou se eleger a um cargo público outras vezes por diferentes partidos como PSB, PT e Republicanos. Agora, está no PSL, sigla em que Bolsonaro se elegeu e depois deixou.

Dinei, que já participou do reality A Fazenda (Record), também já se candidatou em outras oportunidades. Agora, ele concorre pelo Solidariedade e promete, em sua campanha, lutar por medidas para a inclusão dos surdos na sociedade. O ex-jogador conhece a causa de perto porque sua filha, Andressa, é surda.

Jornal Midiamax