MidiaMAIS / Famosos

Repórter do ‘Cidade Alerta’ acusa homem morto e filha responde ao vivo

Na noite terça-feira (09), viralizou um momento do programa 'Cidade Alerta' da Record em que a filha de um homem assassinado era entrevistada

Carlos Yukio Publicado em 10/06/2020, às 09h03

None
Repórter do 'Cidade Alerta' acusa homem morto e filha responde ao vivo

Na noite terça-feira (09), viralizou na web um momento do programa ‘Cidade Alerta’ da Record em que a filha de um homem assassinado era entrevistada. Na tela, os dizeres: “Agiota encontrado morto, há relatos de briga com amante”. Segundo a garota, a informação não era verdadeira e houve falta de sensibilidade da produção.

Na cena, que viralizou nas redes sociais ultrapassando 80 mil curtidas, Amanda, a filha do senhor assassinado, se revoltou ao vivo. “Eu perdi meu pai hoje e eu não tô vendo um pingo de respeito aqui, vocês falando que ele era agiota. Como assim? De onde vocês tiraram isso?”, disparou.

A repórter tentou contornar: “Vamos focar no mais importante, que é descobrir quem matou o seu pai”, mas foi interrompida por Luiz Bacci, do estúdio: “Eu tenho total em ser transparente e total interesse do Cidade Alerta de ser transparente”, afirmou o apresentador.

Coube à repórter tentar esclarecer de onde tirou a informação: “A polícia não confirma essa informação, mas eu conversei com vizinhos que conheciam o Josenildo”, disse, enfurecendo ainda mais a filha do homem, visivelmente emocionada. “É Josivaldo! Eu não sei nem o nome dos vizinhos. Eu moro em casa de aluguel. A Record eu achei que era um jornalismo mais responsável”, detonou.

Aos prantos, ela finalizou, gritando: “É o pingo de respeito que tem que ter, eu tô sentindo uma dor agora. Tiraram a vida do meu pai, vocês tão denegrindo a imagem do meu pai”. Na manhã dessa quarta-feira (10), a hashtag #RecordLixo entrou nos assuntos mais comentados do Twitter.

Jornal Midiamax