MidiaMAIS / Famosos

Borat de ‘Amor e Sexo’, Bruno Miranda está em estado grave após ser baleado

O ator Bruno Miranda, o Borat do programa Amor e Sexo (Globo), segue internado no CTI (Centro de Terapia Intensiva) em estado grave

Carlos Yukio Publicado em 26/11/2020, às 09h38

None
Bruno Miranda, o Borat de Amor e Sexo, está em estado grave após ser baleado

O ator Bruno Miranda, o Borat do programa Amor e Sexo (Globo), segue internado no CTI (Centro de Terapia Intensiva) em estado grave, de acordo com informações divulgadas pela direção do Hospital Municipal Lourenço do Rio de Janeiro nesta quinta-feira (26).

O assistente de palco de Fernanda Lima foi baleado por um policial militar após uma briga de trânsito no Recreio dos Bandeirante, no Rio. Após o disparo, o ator e modelo foi encaminhado para o hospital, onde passou por uma cirurgia de emergência.

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro não informou o local do tiro, mas segundo apurações da reportagem, o ferimento seria na região abdominal.

Até o momento, a Polícia Militar do Rio de Janeiro afirmou que a arma foi apreendida e o policial foi encaminhado para a 16ª DP por equipes da Operação Recreio Presente. Ainda não há informações se o policial sofrerá consequências.

Bruno Miranda faz sucesso nas redes sociais, onde geralmente publica fotos sensuais exibindo seu biotipo físico com a roupa do personagem Borat. O ator é casado com a médica Mariana Melgaço de Mello e pai de Enzo, 5, e vive em uma cobertura na zona oeste do Rio de Janeiro.

Em abril, para ajudar pessoas afetadas pela pandemia do novo coronavírus, Miranda realizou leilões de cuecas, sungas e bermudas através das suas redes socais. “O fã perguntou por que eu não leiloava uma cueca minha usada e eu tirei a que estava vestindo. Comecei do nada. Nunca coloquei um valor mínimo. O máximo a que chegou foi R$ 5.000. Fiz três leilões até agora”, contou o assistente.

“Tenho uma vida confortável com a minha família, mas na favela a coisa está feia. Conheço pessoas em comunidades ao redor da Ilha do Governador e tem muita gente passando aperto”, contou à época.

Jornal Midiamax