MidiaMAIS / Famosos

Atriz Carla Diaz fala sobre se curar de câncer na tireoide

A atriz Carla Diaz afirmou estar curada de um câncer. Através das suas redes sociais nesta quinta-feira (3), a atriz contou a novidade

Carlos Yukio Publicado em 04/12/2020, às 10h50

None
Atriz Carla Diaz fala sobre se curar de câncer na tireoide

A atriz Carla Diaz afirmou estar curada de um câncer de tireoide. Através das suas redes sociais nesta quinta-feira (3), a atriz contou a novidade para seus seguidores e também disse que deseja ajudar outras pessoas com o mesmo diagnóstico.

“Descobrir que está com câncer é assustador, é horrível, muito delicado. Precisei desse tempo para resolver tudo (…) Não foi fácil, mas passou”, afirmou Diaz. Em julho deste ano, a atriz descobriu o nódulo na tireoide e após realizar exames, teve a confirmação de que se tratava de um nódulo maligno.

Diaz passou por uma cirurgia e foi curada. Segundo ela, o motivo pelo qual optou por registrar todo o processo foi com o intuito de ajudar outras pessoas. “Espero que essa experiência sirva de alguma coisa para alguém, nem que seja para acalmar o coração de quem está passando pela mesma situação que eu. Sei que não é fácil. Enfim, é isso, só pra avisar a vocês que eu estou curada, graças a Deus.”

Carla Diaz surgiu para a fama com um comercial da Caixa Econômica ao lado da campeã do basquete Hortência. Fez “Éramos Seis”, no SBT, ainda com 4 anos, e a versão brasileira de “Chiquititas”, pela mesma emissora. Na Globo, fez “Laços de Família” (2000), “A Casa das Sete Mulheres” (2003), “A Força do Querer” (2017) e “Espelho da Vida” (2018). Mas o grande hit mesmo veio em “O Clone” (2001), com uma interjeição árabe que teria gerado muitos memes, se na época houvesse rede social.

O trabalho mais recente de Diaz, o filme “A menina que matou os pais”, de Maurício Eça, precisou ser adiado por conta da pandemia. A atriz interpreta Suzane von Richthofen, acusada de planejar a morte dos pais em outubro de 2002. O crime chocou o país na época.

Jornal Midiamax