MidiaMAIS / Famosos

Ao vivo: Repórter da Globo News se assume gay durante a Copa

O Grupo Globo está cada vez mais diverso. O repórter correspondente do GloboNews Sandro Fernandes deu um passo de coragem em um dos países que mais censura os LGBTs no mundo. Durante transmissão ao vivo da Rússia para a cobertura da Copa do Mundo 2018, Sandro falou abertamente sobre sua sexualidade e se assumiu para o Brasil todo.

Carlos Yukio Publicado em 04/07/2018, às 11h07 - Atualizado às 17h05

Sandro Fernandes se assumiu publicamente durante transmissão ao vivo do GloboNews na Copa 2018 (Foto: Reprodução/GloboNews)
Sandro Fernandes se assumiu publicamente durante transmissão ao vivo do GloboNews na Copa 2018 (Foto: Reprodução/GloboNews) - Sandro Fernandes se assumiu publicamente durante transmissão ao vivo do GloboNews na Copa 2018 (Foto: Reprodução/GloboNews)

O Grupo Globo está cada vez mais diverso. O repórter correspondente do GloboNews Sandro Fernandes deu um passo de coragem em um dos países que mais censura os LGBTs no mundo. Durante transmissão ao vivo da Rússia para a cobertura da Copa do Mundo 2018, Sandro falou abertamente sobre sua sexualidade e se assumiu para o Brasil. No país sede da Copa, o relacionamento homoafetivo é ilegal.

“Eu vou continuar aqui trabalhando com a camisa do Brasil por baixo. Sexta-feira tem jogo Brasil e Bélgica!”, admitiu. Depois, Sandro brincou sobre para quem irá torcer durante o jogo de sexta-feira (6). “Agora, vou contar um segredo pra vocês. Eu tenho um namorado belga. Mas apesar do coração apaixonado por um belga, continuo torcendo pelo Brasil!”, contou o repórter.

Os jornalistas Eliane Catanhêde e Sérgio Aguiar responderam à brincadeira com mais descontração. “Será que vai ter crise de relacionamento? Que situação tensa, hein, Eliane?”, perguntou Aguiar. “Deve ser complicado mesmo! Legal que ele continuou torcendo pelo Brasil!”, ressaltou Eliane.

Com a declaração pública, Sandro se une a Fernanda Gentil, Pedro Figueiredo, Erick Rianelli e Nádia Bochi ao grupo corajoso que trata de sua sexualidade de forma natural e abertamente, como deve ser tratada.

Jornal Midiamax