Vencedora do BBB teria confirmado agressões de Marcos

A noite da última terça-feira (2) foi movimentada nas redes sociais: vazaram na internet imagens do que seria o suposto depoimento da vencedora do BBB 17, Emilly Araújo, à polícia, quando a gaúcha teria confirmado agressões de Marcos.

Alguns trechos, por exemplo, trazem que a sister considerava Marcos carinhoso no início do relacionamento, mas que aos poucos o cirurgião plástico foi ficando agressivo e impedindo que ela se expressasse. Outro trecho traz que Emilly confidenciou a Ieda que Marcos a havia machucado intencionalmente.

O suposto relato também revela que no dia seguinte de uma das festas em que o casal discutiu, Emilly chegou a ser atendida pelo médico do programa, que constatou a lesão – este exame também vazou nas redes sociais no início da semana.

Sem confirmação

“Emilly não lhe disse a causa, pois não queria prejudicar o Marcos. Que a partir daí tais apertões, beliscões e torções de punho, como demais constrangimentos, foram aumentando de intensidade, porém a declarante sempre perdoava Marcos, chegando a ter quatro términos do relacionamento com reconciliação, visto que este demonstrava arrependido de suas atitudes. E ela, muito apaixonada, o perdoava não se dando conta de que aquele relacionamento estava lhe fazendo mal”, diz um dos trechos do depoimento.

O documento que circula nas redes traz que Emilly recusou medidas protetivas em relação a Marcos. Diversos portais de notícias, como o UOL e G1, tentaram confirmar a veracidade do conteúdo da imagem, mas a delegada Márcia Noeli, chefe da Divisão de Polícia de Atendimento à Mulher (DPAM), que ouviu o depoimento de Emilly, afirmou não ter cópia do inquérito.