MidiaMAIS / Evento

9ª Festa da Abadia terá fé, shows e gastronomia na Cidade do Natal

A Cidade do Natal será tomada pela 9ª Festa da Abadia a partir da próxima sexta-feira (9) em comemoração aos 107 anos da chegada de Nossa Senhora da Abadia em Campo Grande. A festa tem início às 19h e contará com a apresentação de duplas e bandas católicas, além de espaço gastronômico. Outro atrativo será […]

Carlos Yukio Publicado em 07/08/2019, às 12h20

None
9ª Festa da Abadia terá fé, shows e gastronomia na Cidade do Natal

A Cidade do Natal será tomada pela 9ª Festa da Abadia a partir da próxima sexta-feira (9) em comemoração aos 107 anos da chegada de Nossa Senhora da Abadia em Campo Grande. A festa tem início às 19h e contará com a apresentação de duplas e bandas católicas, além de espaço gastronômico.

Outro atrativo será o recém inaugurado Santuário da Abadia e os fiéis poderão participar das atividades religiosas que serão realizadas pelos paroquianos. Na Cidade do Natal haverá uma abertura solene da festa com autoridades locais em homenagem a Nossa Senhora da Abadia.

Haverá apresentação de bandas católicas durante toda a programação, com shows das duplas Lucas e Duani, Fred e Victor, Renato Reis e Renan, Chama Campeira, André Santini, Rafa e Júnior, Osmar da Gaita, Lucas e Benício, Filhos de Campo Grande, Alex Lopes entre outros grandes sucessos da música regional.

A festa está sendo preparada em comemoração a chegada de Nossa Senhora da Abadia em Campo Grande no ano de 1912. “Estamos na expectativa que essa festa seja marcada de muito sucesso”, declara Fabiana Benites Palácio Lopes, uma das coordenadoras da festa.

No evento terá espaço gastronômico, barraca de pescaria e espaço kids para a criançada. Já estão confirmadas as apresentações das colônias Japonesa, Libanesa e Paraguaia com apresentação de danças.

História

A devoção a Nossa Senhora da Abadia começou com o Elizeu Ramos, mineiro radicado em Campo Grande no ano de 1905. Sua promessa era de adquirir a imagem da virgem caso progredisse nestas terras. Anos após a sua chegada em Mato Grosso, fizeram-lhe a doação de um estandarte da virgem.

Elizeu começou a arrecadar recursos na cidade para adquirir a imagem em São Paulo, e conseguiu a trazer de trem até Três Lagoas e depois, de carro de boi até Campo Grande. Durante a festa haverá romaria com os netos de Elizeu Ramos e uma réplica do carro de boi utilizado no transporte da santa.

A imagem chegou no dia 3 de agosto de 1912 em Três Lagoas, depois de honrosa recepção, a imagem ficou na Igreja de Santo Antônio, sua primeira morada. Em 1948, Dom Antônio Barbosa a intitulou como padroeira da Arquidiocese de Campo Grande.

Jornal Midiamax