Mariana (Theresa Fonseca) tem despertado ódio do público que acompanha o remake de “Renascer”, assim como aconteceu na novela original, exibida em 1993, quando a moça era interpretada pela atriz Adriana Esteves. Tanto que, na última sexta (9), uma das cenas mais polêmicas da personagem foi ao ar com modificações pontuais para amenizar a ojeriza da audiência.

Autor do remake, Bruno Luperi tem pesado a mão para adaptar a história escrita pelo avô Benedito Ruy Barbosa há 31 anos e a personagem Mariana tem sido justamente uma das mais “afetadas”.

Prova disso é que a aguardada sequência em que a jovem tenta ter sua primeira relação carnal com José Inocêncio (Marcos Palmeira) teve o texto alterado no capítulo exibido sexta-feira (9) e uma fala controversa de tom fetichista ao incesto foi retirada na nova versão.

Em suma, a jovem neta de Belarmino (Antônio Calloni) tenta, sem sucesso, seduzir José Inocêncio. Frustrada por não conseguir o que queria com suas investidas, ao voltar de viagem com o fazendeiro, Mariana salta do carro e chama o produtor de cacau para o “ato”.

Cena de Mariana causou nojo

O momento era lembrado com repulsa pelo público que acompanhou “Renascer” em 1993, quando a Mariana vivida por Adriana Esteves foi bem mais “ousada” ao tentar convencer o fazendeiro. No texto original, a personagem dizia:

“Me cobre! Se deita comigo no meio do mato, deita! Qualquer moita. Vai fugir dessa tocaia? você mesmo não disse que eu era mais uma tocaia? Então venha ou segue teu caminho coronel José Inocêncio”, pediu Mariana, que também chama Zé Inocêncio de “painho” e insinua ser sua “filha”.

No remake, a moça teve o diálogo adaptado da seguinte maneira: “Se deite comigo aqui Josê Inocêncio! Ou então esqueça que eu existo. É o preço para eu não sumir da sua vida, ser amada por você pelo menos uma vez. Vai fugir dessa tocaia agora coronel?”, disparou a personagem interpretada por Theresa Fonseca.

Além disso, na versão original, Mariana (Adriana Esteves) levantava o vestido e mostrava a calcinha para José Inocêncio (Antônio Fagundes) enquanto o chamava para “qualquer moita”. No remake, a jovem interpretada por Theresa Fonseca não ergueu saia alguma para seduzir o produtor de cacau.

Compare as cenas nas duas versões de “Renascer”:

Mariana é tópico sensível em “Renascer”

Trinta e um anos depois, Mariana segue despertando as mesmas emoções nos diferentes públicos de “Renascer”. Em 1993, a personagem foi tão odiada que fez Adriana Esteves entrar em depressão e quase desistir da carreira como atriz.

A repulsa sentida pela audiência acabou transferida para a artista que, na época, em início de carreira, foi bombardeada de críticas. No remake, Theresa Fonseca assumiu o papel sabendo da responsabilidade e do histórico de Mariana. Ainda assim, ela aceitou o desafio de dar vida à jovem.

Apesar dos sentimentos da audiência pela moça se repetirem após três décadas, atualmente, parece mais clara a separação entre personagem e atriz. Isso porque, diferente de Adriana Esteves, Theresa não tem sido criticada por sua atuação.

Fale com o Midiamax

Tem alguma denúncia, flagrante, reclamação ou sugestão de pauta para o Jornal Midiamax? Envie direto para nossos jornalistas pelo WhatsApp (67) 99207-4330. Acima de tudo, com sigilo garantido por lei.

Acompanhe nossas atualizações no Facebook, Instagram e Tiktok.