Em meio à chuva que atinge desde o início da tarde desta sexta-feira (8), uma arara-canindé foi encontrada por populares gravemente ferida, a ponto de não conseguir voar. Por volta das 16 horas, moradores flagraram o animal em estado deplorável e se comoveram com a cena, no conjunto União. Eles suspeitam que ela possa ter sido eletrocutada e caído da altura de um poste de energia elétrica.

Bem debilitada, a arara estava com as penas quebradas. Ela rastejava pela Rua Osvaldino Mendes Rocha, tentando desviar das poças de água e lama formadas pela chuva que cai sobre a Capital de Mato Grosso do Sul.

Conforme informado à reportagem do Jornal Midiamax, a arara-canindé apresentava um comportamento bem agressivo e não aceitou o socorro dos moradores que tentaram ajudá-la. “Ela não deixa ninguém se aproximar”, disse um dos populares que viram a cena.

Demorou aproximadamente 35 minutos até que três guardas municipais foram ao local e resgataram a ave, após serem acionados por moradores.

Por fim, os guardas que fizeram o resgate informaram que a arara será encaminhada ao Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres). Veja imagens da arara enquanto os populares aguardavam o resgate:

Fale com o WhatsApp do MidiaMAIS!

Tem algo legal para compartilhar com a gente? Fale direto com os jornalistas do MidiaMAIS através do WhatsApp.

Mergulhe no universo do entretenimento e da cultura participando do nosso grupo no Facebook: um lugar aberto ao bate-papo, troca de informação, sugestões, enquetes e muito mais. Você também pode acompanhar nossas atualizações no Instagram e no Tiktok.