A última temporada do “The Voice Brasil” começou na noite desta terça-feira (28) e Mato Grosso do Sul marcou presença no início da edição histórica e derradeira do reality show de talentos da música. Isso porque um campo-grandense, logo “de cara”, conseguiu uma vaga na competição. O problema é que ele agradou a todos os jurados, que viraram a cadeira para sua apresentação, exceto Michel Teló, representante de MS no programa.

Matu Miranda é o artista sul-mato-grossense que se apresentou no primeiro dia de audições às cegas e garantiu uma vaga no “The Voice Brasil”. Ele cantou a música “Lambada de Serpente”, de Djavan e agradou o júri.

Entre os quatro jurados, Iza, Carlinhos Brown e amaram a performance do campo-grandense e viraram a cadeira – só Michel Teló parece não ter sido tocado pelo show de Matu.

Iza, inclusive, se levantou para enaltecer o talento do sul-mato-grossense. “Eu fui arrebatada, fui com Deus, fui de arrasta pra cima agora”, brincou ela.

Campo-grandense aclamado e disputado no The Voice

Em seguida, os jurados pediram para o calouro se apresentar, antes de escolher com qual dos três técnicos ficaria.

“Me chamo Matu Miranda, tenho 29 anos, venho de Campo Grande, Mato Grosso do Sul”, se apresentou o . Ao saber disso, Michel Teló ficou chocado e começou a aplaudi-lo: “Caramba, cara, minha terra”, exclamou o sertanejo.

Iza, por sua vez, seguiu elogiando Matu. “Foi arrebatador! Quando você começou a cantar a gente foi para outro lugar”. “O Matu trouxe um show de brasilidade”, acrescentou Carlinhos Brown. “Se sinta em casa, você tem um talento indiscutível”, disparou Lulu .

“Agradeço profundamente vocês que são ícones, figuras incríveis que tenho admiração profunda, mas as palavras de Brown…”, respondeu Matu, escolhendo fazer parte do time de Carlinhos e se classificando para a próxima fase.

Confira a apresentação de Matu:

Quem é Matu Miranda, o artista de Campo Grande disputado no The Voice

Em conversa com Matu, o Gshow descobriu que o campo-grandense é filho de uma atriz: Daniele Rodrigues, conhecida por ser a segunda artista a interpretar a personagem Narizinho no “Sítio do Pica-Pau Amarelo”, entre os anos de 1981 e 1983.

Além disso, ela também atuou na primeira versão da novela “Renascer” (1993). “Minha mãe, com nove anos de idade, foi a segunda Narizinho do ‘Sítio do Pica-Pau Amarelo’. O ‘Fantástico’ fez um concurso para eleger a nova Narizinho e o novo Pedrinho, porque eles já estavam adolescentes e não dava mais para estar no papel”, disse ele ao Gshow nos bastidores das Audições às Cegas.

“O concurso teve mais de cinco mil crianças inscritas e a minha mãe foi eleita a nova Narizinho. Ela também fez a minissérie ‘Anarquistas, Graças a Deus’, interpretando a Zélia Gatai, filha do Ney Latorraca. Fez filme com os Trapalhões, ‘O Cangaceiro Trapalhão’. Fez mais velha um pouco a novela ‘Renascer’, acho que a minha irmã tinha acabado de nascer”, contou Matu, orgulhoso.

Fale com o WhatsApp do MidiaMAIS!

Tem algo legal para compartilhar com a gente? Fale direto com os jornalistas do MidiaMAIS através do WhatsApp.

Mergulhe no universo do entretenimento e da cultura participando do nosso grupo no Facebook: um lugar aberto ao bate-papo, troca de informação, sugestões, enquetes e muito mais. Você também pode acompanhar nossas atualizações no Instagram e no Tiktok.

Saiba Mais