Uma das mais icônicas Top Models do país, uma das maiores estrelas das passarelas, capas de revistas, campanhas publicitárias… desde os anos 90 vemos o talento e beleza de Gianne Albertoni. Em um bate papo rapidinho, a modelo, comunicadora, atriz e influencer nos conta sobre seu momento atual e de quebra, uma lembrança inesquecível que guarda de – MS.

A convite da empresária Veruska Sabino, a modelo retornou a para desfilar as novidades da nova coleção da loja Bossa, que comemora 10 anos com a ilustre presença e astral de Gianne Albertoni.

Modelo desde os 13 anos, lá se vão 28 de profissão, além dos desafios e oportunidades como atriz, apresentadora, repórter e por aí vai…

“Hoje sinto que tô na minha melhor fase. Gosto muito de experimentar coisas novas e agora

Gianne Albertoni – foto: Leandro Marques

tô com um podcast, o ‘Close Certo'. Tô muito feliz de mostrar como é a vida real de cada entrevistado. A gente vê as pessoas bem sucedidas, mas não sabe o perrengue, como é se tornar aquilo. E ainda faço meus trabalhos como modelo, nunca deixei de lado”, conta ela.

Sobre o ciclo da moda, conceitos que vem e vão, ela encara bem o retorno das tendências, como as das décadas de 90 e 00. “Não tem mais regras na moda, não tem mais de ‘aquilo não combina com isso, isso com aquilo…'

O mais legal é você mostrar sua personalidade, roupa é pra isso, é legal brincar com elas, e achar o que fica bom em você”, explica.

Em mais uma a Campo Grande, rápida e intensa, Gianne ainda quer aproveitar a capital de MS com mais calma. Outra lembrança do Estado que ela ainda guarda é de quando ela veio fotografar moda praia e teve a oportunidade de conhecer .

“O que lembra de Bonito? Lembro que é tudo lindo, tem uma natureza fora de série e a cachaça… Foi a melhor cachaça que eu provei na minha vida! E foi lá em Bonito. Nessa época estava fazendo o quadro Circo do Faustão. Daqui eu levei pro pessoal lá, eles piraram!”, lembra ela.

Agora já sabemos com o que presenteá-la  quando e se tivermos uma oportunidade! ?