Amigos de MS embarcam para ‘Expedição Acre’ numa aventura de 7 dias no meio da selva amazônica

Franco Alan, Maurício Bandeira, Almir Pereira, Anderson Rangel e Emerson Amorim conhecerão de perto cultura dos seringueiros e reviver a história durante 'Expedição Acre'
| 15/06/2022
- 15:19
Amigos vão para Expedição Acre
Amigos vão para Expedição Acre (Foto: Arquivo Pessoal)

Esta quarta-feira (15) vai ficar para sempre na memória de Franco Alan, Maurício Bandeira, Almir Pereira, Anderson Rangel e Emerson Amorim, cinco amigos que toparam uma aventura para lá de especial: a Expedição Acre. Durante a viagem ao noroeste do Brasil, os homens vão adentrar pelas matas para se reconectarem com raízes e conhecer de perto a cultura dos seringueiros — trabalhadores que vivem da extração de látex das seringueiras — da região.

Dois integrantes do grupo moram em Mato Grosso do Sul e quem conversou com o MidiaMAIS foi o Franco Alan, oficial da Polícia Militar. Ele contou ser natural do Acre, mas veio para Campo Grande aos sete anos de idade. Dessa vez, ele retorna ao Estado natal para recordar a origem do seu sangue.

“Minha família é de lá, sou neto de seringueiros. Meus avós foram Soldados da Borracha”, afirma Franco, fazendo referência aos seringueiros que extraíam borracha para os Estados Unidos na II Guerra Mundial.

Segundo Alan, foi a história dos seus parentes que o motivou a fazer a ‘Expedição Acre’. Na região, ele vai recriar os passos dos antepassados e, claro, matar a saudade.

Rota da Expedição Acre

Franco, Maurício e Almir embarcaram na manhã desta quarta-feira (15) num avião rumo a Rio Branco, capital do Acre, onde encontrarão Anderson. De lá, o quarteto segue direto para o ponto de partida na cidade de do Sul, onde Franco nasceu. Então, Emerson vai se reunir ao grupo para dar início oficial à Expedição Acre.

Segundo Franco, eles vão para Porto Walter. Em seguida, para a cidade de Marechal Thaumaturgo, município no Acre com cerca de 16 mil habitantes. Ao longo desse percurso, alguns dias serão destinados ao transporte de barco pelo Rio Juruá.

A semana de viagem também reserva passeio de bimotor, visita na trincheira onde ocorreu combate entre peruanos e brasileiros no século XIX e, um dos passeios mais importantes para Franco Alan, a visita ao seringal onde o avô nasceu.

Além disso, os cinco amigos também receberão assistência dos moradores. “Nós vamos comer na casa dos ribeirinhos”, afirma o oficial da PM.

Aventura na Selva Amazônia

Para deixar registrado todas as aventuras em meio à Selva Amazônica, os cinco amigos criaram um perfil no a fim de mostrar o dia a dia da Expedição Acre. Segundo eles ao Jornal Midiamax, será um momento jamais vivido até então. Confira:

Veja também

Carlos também foi diretor presidente da Fundação de Cultura

Últimas notícias