MidiaMAIS

Programação da 15ª Primavera dos Museus é divulgada; evento começa em 20 de setembro

As ações da 15ª edição acontecerão em formato híbrido em Campo Grande, Corumbá e Maracaju

João Ramos Publicado em 15/09/2021, às 10h10

Os eventos remotos serão transmitidos ao vivo pelas redes sociais
Os eventos remotos serão transmitidos ao vivo pelas redes sociais - (Foto: Divulgação)

Com a participação de 13 instituições parceiras de Mato Grosso do Sul, a 15ª Primavera dos Museus acontece de 20 a 26 de setembro. Ainda em meio à pandemia do coronavírus, a edição propõe o tema "Museus: perdas e recomeços" — para refletir a função dos museus neste momento. 

"A temática deste ano reflete o momento atual para o setor museal, com tantas vidas perdidas e tantas histórias interrompidas prematuramente. Os museus, como espaços de salvaguarda da memória e da história da sociedade nos chamam para essa reflexão, do que perdemos neste período e de como faremos para retomar, para recomeçar neste novo normal", explicou o coordenador do Sistema Estadual de Museus, Douglas Alves da Silva.

Participam da temporada de eventos da 15ª edição da Primavera dos Museus no Estado, o Sistema Estadual de Museus de MS/FCMS, a Rede de Educadores de Museus de MS, o Arquivo Público Estadual de MS, a Biblioteca Pública Dr. Isaías Paim, a Casa Dr. Gabi – Espaço de Memória, a Casa da Ciência e Cultura de Campo Grande, o Museu José Antônio Pereira (SECTUR/Prefeitura Municipal de Campo Grande), o Museu da Imagem e do Som (MIS/MS), Museu de Arqueologia (MuArq/UFMS), o Museu de Arte Contemporânea (MARCO), o Museu de Arte Urbana de Campo Grande/MS (MuAU), o Museu das Culturas Dom Bosco (MCDB/UCDB) e o Museu Municipal de Maracaju – Domadora Anna Thereza de Lima Alves.

A Primavera dos Museus é um evento idealizado pelo IBRAM (Instituto Brasileiro de Museus), cuja organização e coordenação no Estado fica a cargo do SIEM-MS (Sistema Estadual de Museus de MS). O Sistema é ligado à Fundação de Cultura de MS e agrega os diversos museus instalados no estado de Mato Grosso do Sul, atuando em parceria com estas instituições, buscando parcerias e prestando assessoria técnica nesta área. As instituições presentes no estado são ligadas ao setor público (federal, estadual e municipal), além de universidades e associações privadas.

As ações da 15ª edição acontecerão em formato híbrido em Campo Grande, Corumbá e Maracaju. Os eventos remotos serão transmitidos ao vivo pelas redes sociais (Facebook e Instagram) da Fundação de Cultura de MS e dos museus parceiros. Confira a programação completa aqui.

Jornal Midiamax